AMS confirma mais dois óbitos por Covid-19 em Apucarana - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

PANDEMIA

AMS confirma mais dois óbitos por Covid-19 em Apucarana

Foto por Divulgação
Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Apucarana confirmou nesta quarta-feira (24) a morte de mais dois homens pelo novo coronavírus (Covid-19). O município soma agora oito óbitos desde o início da pandemia e 147 casos confirmados. As vítimas foram Cícero Aparecido de Oliveira, de 55 anos, que contraiu a doença durante tratamento de saúde no Hospital Angelina Caron, em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba, e Antônio Denir Bispo, de 61 anos, que faleceu no Hospital Norte Paranaense (Honpar), em Arapongas.

Com a confirmação dos óbitos, o prefeito Júnior da Femac convocou reunião de emergência com membros do gabinete de crise para assuntos do novo coronavírus. “Mais duas famílias estão agora sofrendo a perda de um ente querido por conta deste inimigo invisível e muito perigoso. Para essas duas e outras seis famílias apucaranenses, a pandemia nunca vai passar”, lamentou o prefeito.

Participaram da reunião o secretário da Saúde e diretor-presidente da Autarquia Municipal de Saúde (AMS), Roberto Kaneta, o vice-presidente da AMS, Emídio Bachiega, o superintendente de Saúde da AMS, Marcelo Viana de Castro e a superintendente da Chefia de Gabinete da Prefeitura de Apucarana, Jossuela Pinheiro. “Diante deste quadro preocupante, onde constatamos um crescimento do número de casos e óbitos no Brasil, no Paraná, em toda região e em Apucarana, convoquei os membros do gabinete de crise para discutirmos quais medidas devem ser tomadas visando a proteção de nossa população”, informou o prefeito Júnior da Femac.

Por recomendação das autoridades em saúde, além das ações já desenvolvidas desde o início da pandemia, devem ser intensificados os trabalhos de conscientização, sobretudo junto aos frequentadores dos dois principais parques públicos da cidade: Jaboti e Raposa, alertas sobre os riscos das reuniões familiares, que não devem acontecer até o fim da pandemia, e um trabalho maior de prevenção junto aos usuários do transporte coletivo de passageiros. “Mais do que nunca precisamos do apoio da população para seguir as recomendações. Não decretamos toque de recolher, ainda não determinamos o fechamento dos parques porque confiamos no bom senso e na inteligência do apucaranense, mas se os números de casos continuarem a subir vamos precisar tomar medidas mais duras em favor da coletividade, como o fechamento dos parques”, alertou Júnior da Femac. “É uma medida que não gostaríamos de tomar, mas se preciso, será decretada em favor da vida”, disse o prefeito.

Às pessoas que ainda insistem em não seguir as orientações preventivas, como ficar em casa o máximo possível, não aglomerar, usar máscaras e lavar as mãos frequentemente, Júnior da Femac informou que o vírus está em todos os bairros de Apucarana e contaminando pessoas de todas as idades. “As pessoas com idade entre 30 e 39 anos registram o maior número de casos de Covid-19 em Apucarana, com 26,3% do número total de infectados. Em segundo, estão os contaminados entre 50 e 59 anos, com 29 diagnósticos positivos (21,8%). A terceira faixa etária com mais casos é a entre 60 e 69 anos, com 19 casos (14,3%), e na sequência estão os jovens de 20 a 29 anos (13,5%)”, concluiu o prefeito.

 

Deixe seu comentário sobre: "AMS confirma mais dois óbitos por Covid-19 em Apucarana"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Todos os candidatos

Não encontramos candidatos com o filtro selecionado.