Apucarana

Advogados falam sobre caso de dentista suspeito de mostrar órgão genital para criança; assista

Da Redação ·

Os advogados Elaine Caliman e Luis Gustavo Leitão que defendem o dentista de Apucarana suspeito de mostrar o órgão genital para uma criança de 10 anos durante uma consulta em Jandaia do Sul, afirmam que a situação não passou de um mal entendido e que a verdade será esclarecida. A defesa também afirma que após a divulgação da prisão do dentista, o profissional sofreu diversos ataques na internet.

continua após publicidade

Para a advogada, é preciso ter cautela antes de pré-julgar. “ A gente vê que inúmeros casos se apontam acusações para determinada pessoa, a sociedade acaba por tirar suas conclusões e condenam previamente a pessoa, ainda mais nas redes sociais. Na nossa opinião isso não fortalece ninguém. O que a gente pede é que a sociedade tenha cautela, que aguarde a apuração dos fatos. Nós não estamos livres de mais cedo ou mais tarde, de alguma maneira ser denunciado de maneira injusta. Precisamos ter cautela nessa conduta de pré-julgar,” afirma.

Segundo a advogada, a defesa trabalha para alcançar a verdade. “Se essa verdade demonstrar que ele realmente praticou os fatos, ele vai cumprir a pena que eventualmente seja imposta, temos compromisso irrestrito com a verdade. Ele quer que fique demonstrado que tudo não passou de um mal entendido, ” explica.

continua após publicidade

O caso foi denunciado do dia 12, na segunda-feira.  Segundo o delegado Gustavo de Pinho Alves, a tia da criança fez a denúncia e disse que após uma consulta a menina saiu chorando e contou o que teria acontecido. 

Por meio de nota, o dentista Valmir Silva negou a acusação feita pela tia da criança. O profissional afirmou que os fatos não são verídicos e que está à disposição da polícia para todo e qualquer tipo de esclarecimento "para que a verdade seja apresentada o mais breve possível". Relatou que, em 26 anos de profissão, nunca se se envolveu em qualquer problema, muito menos em caso como este "repugnante e sórdido". A nota esclarece que o dentista se afastou temporariamente do consultório de Jandaia do Sul.

Confira a entrevista com os advogados. 

continua após publicidade

Advogados falam sobre caso de dentista suspeito de mostrar órgão genital para criança; assista - Vídeo por: Reprodução