Mais lidas

    Apucarana

    BARBÁRIE

    Adolescente agredido em Apucarana morre a caminho do hospital

    Menino de 13 anos teve uma parada cardiorrespiratória após sofrer agressões; ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu

     Segundo informações preliminares, cerca de 5 adolescentes teriam cometido a agressão
    Foto por TNOnline
    Segundo informações preliminares, cerca de 5 adolescentes teriam cometido a agressão
     Ele foi encaminhado em estado grave ao hospital, mas não resistiu
    Foto por TNOnline
    Ele foi encaminhado em estado grave ao hospital, mas não resistiu
     Socorristas realizaram a reanimação do menino por cerca de 50 minutos
    Foto por TNOnline
    Socorristas realizaram a reanimação do menino por cerca de 50 minutos
     Garoto que morreu nesta noite
    Foto por Arquivo
    Garoto que morreu nesta noite
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 21.06.2022, 19:25:06 Editado em 22.06.2022, 12:50:59
    GoogleNews

    Siga o TNOnline
    no Google News

    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Um garoto de 13 anos morreu após sofrer uma parada cardiorrespiratória depois de ser violentamente agredido por outros seis adolescentes no início da noite desta terça-feira, 21, no Jardim Ponta Grossa, em Apucarana, no norte do Paraná. O crime chocou os moradores da cidade. 

    Socorristas do Siate, do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), além de profissionais do posto de saúde, realizaram a reanimação do garoto, por cerca de 50 minutos. Alekson Ricardo Kongeski chegou a ser encaminhado em estado grave ao Hospital da Providência, mas não resistiu aos ferimentos, e morreu.

    O garoto tinha problemas de saúde, sofria convulsões e teria passado mal após a briga. O que provocou a morte ainda é apurado pelos órgãos competentes. A Polícia Civil ainda não falou sobre o caso.  

    As agressões aconteceram na Rua Emiliano Perneta, esquina com a Rua Paranaguá, próximo ao Colégio Cívico-militar  Padre José Canale. De acordo com a Polícia Militar (PM), que atendeu a ocorrência, a vítima e alguns dos agressores seriam estudantes do colégio. 

    Segundo informações levantadas pela reportagem no local, populares teriam tentado separar a briga, mas os agressores não se intimidavam. Ligações no 190 informaram que após as agressões, o garoto ficou caído no chão, desacordado e os suspeitos saíram correndo. 

    Ainda segundo a PM, alguns dos jovens envolvidos na briga já foram identificados: quatro adolescentes de15 anos, um de 14 e outro de 12 anos teriam participado das agressões. A Guarda Civil Municipal também atendeu a grave ocorrência. 

    Por volta das 23h, a PM informou que três suspeitos, dois de 15 e um de 12 anos, foram encontrados e encaminhados para a delegacia, juntamente com os responsáveis. A Polícia Civil apura o envolvimento deles. 

    Ainda de acordo com a PM, a briga seria entre o garoto que morreu e outro adolescente de 15 anos. Ainda não se sabe o que teria motivado a violência. 

    O Colégio Cívico-militar Padre José Canale, onde o garoto estudava, suspendeu as aulas desta quarta-feira (22). 

    Veja a movimentação no local durante o atendimento da ocorrência:   

      



    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Apucarana

    Deixe seu comentário sobre: "Adolescente agredido em Apucarana morre a caminho do hospital"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.