Apucarana

Acia intermedia convênio entre empresas e colégios estaduais

Parceria possibilita a abertura dos cursos técnicos de Desenvolvimento de Sistemas e Agronegócio

Da Redação ·

A Associação Comercial e Industrial de Apucarana (Acia) e o Conecta estão trabalhando para estabelecer conexões entre as instituições de ensino e o setor privado. Nesta terça-feira (21), mais um importante passo neste sentido foi dado com a assinatura do convênio, que possibilita a abertura dos cursos técnicos de Desenvolvimento de Sistemas e Agronegócio. O ato aconteceu no auditório da Acia.

continua após publicidade

O presidente da entidade, Wanderlei Faganello, explica que Apucarana possui empresas de tecnologia que estão se destacando nacionalmente. “Porém, é recorrente a reclamação de falta de mão de obra especializada. Temendo até uma migração destas empresas para outras cidades, a ACIA e o Conecta, tem buscado criar todo um ecossistema em torno da tecnologia, que pode ser até a nova matriz econômica de Apucarana”, frisa Faganello.

A professora Zélia Vaz, do Núcleo Regional da Educação (NRE), ressalta que o convênio firmado possibilita que os Colégios Cerávolo e Polivalente recebam os dois novos cursos técnicos a partir de 2022. “É um grande passo, pois temos confirmado a demanda das empresas, que se abrem através do convênio para receber os estagiários. Uma das principais exigências para a abertura de novos cursos técnicos”, diz a professora Zélia.

continua após publicidade

O empresário Fabio Costa, do Grupo FLJ, explica que a empresa assina o convênio entendendo o papel social que o estágio proporciona nos alunos e na sociedade. “Estamos ajudando os estudantes a trilhar o caminho do conhecimento na profissão almejada ainda na escola. Ao mesmo tempo estamos estimulando a criação de mão de obra especializada para nossas demandas. Só hoje, tenho 6 vagas em aberto. Nossa meta é crescer 20% em 2022 e certamente teremos muitos outros postos de trabalho em aberto”, frisa Fabio.

Opinião semelhante do empresário Guilherme Ganascim, da Made4 It. “Em três anos contratamos 50 estagiários. Ou seja, entraram estagiando e passaram a  CLT. Hoje, também temos 5 vagas em aberto e para 2022 muito mais. Então, este convênio que a ACIA nos apresenta é tudo que nossas empresas precisam para crescer”, destaca Guilherme.

Tags relacionadas: #Acia #Apucarana