Apucarana

PM de Apucarana registra 6 ocorrências de agressão contra mulheres no sábado

Da Redação ·
Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

A polícia militar (PM) de Apucarana atendeu a 6 ocorrências de violência doméstica neste sábado (28). Dois homens foram encaminhados para a delegacia.

continua após publicidade

No Jardim Santos Dumont, um homem de 37 anos foi preso depois de agredir a companheira com chutes e jogar uma cadeira na filha de 16 anos. Com a chegada da PM, o homem foi revistado e no bolso da calça dele havia uma pequena quantidade de cocaína. Ele recebeu voz de prisão e foi encaminhado a 17° SDP para as providências cabíveis.

No Marcos Freire, um homem de 44 anos foi preso depois de invadir a casa da sogra pulando o muro, completamente embriagado, para tentar agredir a companheira. Ele já havia feito várias ameaças contra ela. Ao invadir a casa, o homem foi recebido pelo enteado e os dois entraram em luta corporal. Com a chegada da PM, o autor fez diversas ameaças de morte contra a mulher e um filho do casal que tem 4 anos, dizendo que isso não ficaria assim, pois quando ele saísse da cadeia, iria atrás dela e seu filho. Sendo assim foi dado voz de prisão ao autor e encaminhado o mesmo para 17° SDP.

Ainda durante este sábado, a PM foi acionada até a Rua Dos Produtores, na Colônia Comunitária, onde uma mulher relatou que seu ex-marido veio até sua casa e a agrediu com um tapa no rosto. O homem fugiu em seguida.

No Jardim Flamingos, uma mulher acionou a PM após seu ex-marido, inconformado com a separação, fazer ameaças de morte e agredi-la com empurrões. Ele ainda teria quebrado o celular dela durante as agressões. A polícia foi acionada mas o homem fugiu do local.

No Núcleo João Paulo, a PM foi acionada para atender a uma ocorrência de violência doméstica onde o filho estaria agredindo a mãe. No local, a senhora relatou à PM que teve uma discussão com o filho e que ele chutou a porta da cozinha atingindo seu rosto, que ficou machucado. Eles foram encaminhados para a delegacia para prestar esclarecimentos.

No Jardim Marissol, outra mãe acionou a PM depois de ser agredida pelo filho. Ela contou aos policiais que o filho chegou em casa embriagado e passou a quebrar louças e arremessar objetos contra ela. Com a chegada da polícia, o rapaz fugiu.

Tags relacionadas: #mulher #PM #violência