Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

PRF orienta ciclistas com dicas de equipamentos de segurança; assista 

.

PRF Sagati orienta sobre a segurança dos ciclistas
PRF Sagati orienta sobre a segurança dos ciclistas

A Polícia Rodoviária Federal, PRF, vem abordando e orientando com mais frequência os ciclistas que utilizam as rodovias para pedalar e assim evitar que acidentes aconteçam. 

Entre as orientações está o uso de equipamentos de segurança, que são fundamentais para a proteção do ciclista. O uso de uma roupa refletiva, por exemplo, faz com que o motorista perceba a presença de quem gosta de pedalar. 

"O fluxo dos ciclistas aumentou consideravelmente nas rodovias e a PRF intensificou as rondas e estamos vendo algumas atitudes erradas. O ciclista tem normas para seguir. É fundamental o uso do capacete, existem também os óculos de proteção, tanto diurno, quanto noturno, é importante o uso para evitar que insetos ou até mesmo pedriscos entrem nos olhos," detalha o agente da PRF, Fábio Sagati.

Um dos itens mais importante, conforme o PRF, é a iluminação. "É importantíssimo que o ciclista se preocupe com a iluminação, colocar uma lanterna dianteira branca e traseira vermelha, e de preferência a luz dessa lanterna ser intermitente. Outra dica importante é usar o a capa refletiva ou corta vento como é conhecida. O material refletivo, em uma grande distância, o condutor de um veículo, vai perceber, vai ver o ciclista. Existem também as luvas. a tornozeleira refletiva, e é importante que a pessoa use do lado que vai ficar mais próximo da rodovia," explica. 

As lanternas, o material refletivo e o capacete também deve ser usado por pessoas que usam a bicicleta como meio de transporte. "O trabalhador que utiliza a bicicleta como transporte, também deve usar a iluminação, se preocupar com a segurança. Visualizamos essa falha dos trabalhadores que deslocam nas rodovias," enfatiza o PRF. 

Outra orientação importante é sempre pedalar no acostamento. " O ciclista precisa seguir algumas normas para seguir, onde houver acostamento, transitar pelo acostamento. Se não existir acostamento, ou o acostamento não tiver em condições de uso, o ciclista pode transitar sobre a pista, mas em fila, nunca ao lado um do outro. Recentemente atendemos em Cambará, um acidente, onde um ciclista morreu após ser atropelado, mas ele estava pedalando ao lado da esposa, e estava sob a rodovia. É fundamental que se transite em fila," ressalta. 

O PRF repassou que muitos motoristas tem denunciado que os ciclistas tem invadido a rodovia. "Recebemos muitas reclamações de motoristas, falando que diversos ciclistas estão sob a rodovia. Pedimos a colaboração dos ciclistas e também dos motoristas. Os condutores de veículos se ver um ciclista precisa dar uma distância de segurança. Passar no mínimo um metro e cinquenta de distância. É preciso ter respeito," comenta.

O PRF ainda destacou a importância de algumas dicas de segurança para quem usa a bicicleta no perímetro urbano das cidades e enfatizou que não se deve usar fone de ouvido. " Se o ciclista está no perímetro urbano, quando for mudar de lado, que de alguma forma informe, pode ser com o braço, indicando o lado que vai entrar, virar. O fone de ouvido é o grande vilão dos ciclistas, usando o fone, não é possível prestar atenção em tudo, não escuta uma buzina, é preciso de atenção" disse. 

Os agentes estão intensificando as orientações e abordagens para conscientizar ciclistas e motoristas, para preservar vidas. "A PRF que evitar acidentes, por isso estamos abordando os ciclistas, orientando, não queremos que acidentes aconteçam. Qualquer dúvida, os ciclistas podem procurar uma unidade operacional da PRF ou ligar no 191. E é fundamental pedalar em segurança, para que esse esporte que eu também pratico, seja prazeroso," finaliza. 

Veja a entrevista completa com o agente da PRF Sagati: 


O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber