Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Pirapó ganhará três novos empreendimentos solidários

.

O prefeito Junior da Femac, acompanhado das equipes das secretarias da Mulher e de Agricultura, verificou nesta sexta-feira (06) os locais onde serão instalados três novos empreendimentos solidários no Distrito de Pirapó. Em breve, o Distrito ganhará a Casa do Mel, uma cafeteria e um espaço para a embalagem a vácuo dos produtos da agricultura familiar.

O prefeito afirma que os empreendimentos serão implantados dentro dos preceitos da economia solidária. “São iniciativas que irão fortalecer ainda mais a Rede de Economia Solidária, que já tem a participação de cerca de mil pessoas.  A rede é composta na maioria por mulheres, no entanto os homens também estão se integrando a essa iniciativa que visa a geração de renda”, afirma Junior da Femac.

Além dos representantes dos empreendimentos, estiveram presentes na visita técnica a secretária da Mulher e Assuntos da Família, Denise Canesin, a coordenadora da Rede de Economia Solidária, Bete Beton, o secretário municipal de Agricultura, José Luiz Porto, e o vereador Franciley Godoi (Poim).

Dois empreendimentos serão instalados em espaços onde hoje funciona a sub-prefeitura do Distrito de Pirapó, na antiga estação ferroviária, em anexo ao Museu do Café. “Aqui o grupo denominado Divas do Pirapó vai instalar uma cafeteria. A ideia é transformar esse belíssimo e histórico local em ponto de encontro das famílias e das pessoas que participam de roteiros de caminhadas, dos ciclistas e dos motociclistas”, frisa Junior da Femac.

Os agricultores familiares também terão um espaço, na sub-prefeitura do Pirapó, para fazer a embalagem a vácuo dos produtos. “Conquistamos um recurso junto ao governo do Estado para a aquisição de vários equipamentos, entre os quais duas embaladeiras a vácuo. Vamos embalar itens como mandioca, milho e abóbora descascada que fornecemos para a merenda escolar, o que garantirá uma durabilidade maior aos hortifruti”,  afirma Milton Fornaciari, diretor da Associação dos Cafeicultores do Pirapó.

Já a Casa do Mel será instalada no prédio onde funcionava o antigo posto de saúde. Com o nome de Conexão Jataí, o empreendimento irá processar mel produzido por abelhas africanizadas e também por nativas sem ferrão. “O mel será processado neste local e sairá já com a certificação para poder ser comercializado em pequenos mercados, frutarias e até em grandes redes”, assinala Maurício Gregório, diretor do Conexão Jataí, afirmando que o espaço terá áreas para a recepção dos favos,  manipulação do mel, rotulagem e expedição, depósito e setor de cera de própolis.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber