Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Delegada de Apucarana é responsável por investigação no litoral; namorado ateou fogo em mulher de 66 anos

.

A delegada Sandra Nepomuceno, chefe da delegacia da mulher de Apucarana é responsável pela investigação de um crime grave que aconteceu no litoral do Estado. 

Francisca dos Santos de 66 anos foi vítima de feminicídio. O suspeito de cometer o crime, o namorado dela, foi preso. Ele teria amarrado a vítima, jogou gasolina no corpo dela e ateou foto. O crime aconteceu no dia 31 de dezembro, no  balneário Praia Grande, em Matinhos.

A idosa teve mais de 80% do corpo queimado. Segundo vizinhos, a vítima teria ido à casa do namorado e lá os dois teriam se desentendido. A Polícia Militar (PM) prendeu José dos Santos Capato, de 65 anos, acusado de ser o autor do feminicídio.  

Ele estava escondido em uma casa no balneário Saint Etienne. A PM ficou sabendo onde ele estava através de uma denúncia anônima.

Logo após o crime, a Polícia Civil iniciou as investigações e pediu a prisão do principal suspeito. O mandado foi expedido e cumprido dentro da delegacia após o suspeito ser localizado na residência do sobrinho, em Matinhos, pela Polícia Militar.

“ A situação chegou a nosso conhecimento e, imediatamente, demos início ao inquérito policial e às diligências para ouvir todas as testemunhas. Ele foi conduzido para a delegacia,  quando  já estávamos com o mandado de prisão deferido pela Justiça. O homem confessou com a maior tranquilidade o crime”, conta a delegada Sandra Nepomuceno, responsável pelas investigações do caso. O suspeito que já tinha passagens por violência doméstica. Agora vai responder pelo crime de feminicídio e está à disposição da Justiça.

Sandra assumiu a delegacia da mulher de Apucarana em maio do ano passado e já esclareceu vários crimes que acontecem na cidade. Ela foi convocada para participar da operação verão no litoral.

Conforme o delegado chefe da 17ª Subdivisão Policial de Apucarana, Marcus Felipe, a delegada volta para a cidade no início de março. 

A delegacia da mulher continua funcionando normalmente.  



O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber