Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Prefeitura avalia danos causados pela forte chuva

.

Em menos de duas horas, choveu em Apucarana quase um quarto da média prevista para todo o mês de dezembro. Segundo dados do Simepar foram pouco mais de 50 milímetros de precipitação pluviométrica em Apucarana, o que representa cerca de 25% de todo o volume previsto para esse mês, que é de 200 milímetros.

O prefeito Junior da Femac, chegou de Curitiba no final da tarde – onde participou de evento no Palácio Iguaçu – e, ao ser informado de danos provocados pela forte chuva, percorreu ruas e bairros afetados. Ele esteve em trechos das Ruas Nagib Daher e Clotário Portugal, onde a vazão do sistema de galerias pluviais não suportou o excesso de água.

Junior da Femac também conversou com moradores do Residencial Interlagos e do Cidade Educação, e anunciou que a prefeitura irá apoiar as famílias que tiveram danos em suas casas. “Vamos adotar todas as providências necessárias e emergenciais”, afirmou.

Conforme ponderou o prefeito, o excessivo volume de chuva, na tarde desta quarta-feira, fez alguns córregos próximos da área urbana transbordarem. “Foi o caso do Ribeirão Raposa, onde a água subiu um metro e meio, passando sobre a ponte, na entrada do Parque Ecológico da Raposa”, informou.

Com relação a um trecho da Rua Nagib Daher, a Secretaria de Serviços Urbanos informou que os bueiros da via foram limpos há duas semanas. A rede de galerias não suportou o grande volume de água registrado em menos de duas horas.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber