Apucarana

Comércio de Apucarana vai abrir 400 vagas temporárias

Da Redação ·
Foto: Maicon Sales
Foto: Maicon Sales

Outubro está quase chegando ao fim, acelerando os preparativos para a movimentação das compras de final de ano. O mês conhecido pelo movimento no comércio é aguardado pelos lojistas e também por aquelas pessoas que buscam uma oportunidade de trabalho. Somente neste final do ano, o comércio de Apucarana deve gerar mais de 400 vagas de empregos temporários. 

continua após publicidade

“Iniciando novembro, as empresas já começam a fazer contratações temporárias. Acreditamos que mais de 400 vagas serão ofertadas. E é uma oportunidade para a pessoa também permanecer na empresa. Já percebemos uma leve melhora na taxa do emprego, estamos otimistas para esse final de ano,” comenta Aída Assunção, presidente do Sindicato do Comércio de Apucarana (Sivana).

Em uma loja de brinquedos localizada no centro da cidade, pelo menos duas pessoas serão contratadas para trabalhar em dezembro. “Já temos cinco pessoas que trabalham em nossa loja, mas contrataremos mais duas. Nesse período aumenta em 70% o movimento no dia a dia da loja, precisamos de mais pessoas para melhor atender nossos clientes. Nossa expetativa de vendas para esse ano, é muito boa ”, disse Laurentina Machado, gerente do estabelecimento.  

continua após publicidade

Já uma loja de roupas feminina, localizada também no centro da cidade, pretende contratar mais três pessoas. “Esperamos vender bastante, já temos seis funcionárias e, para dezembro, queremos mais três. Já estamos entrando no clima de Natal e precisamos garantir o bom atendimento”, detalha Arcilei Chamorra, gerente.

 A notícia de vagas temporárias anima quem está procurando emprego. David Dudin tem 20 anos. Ele mora em outra cidade, mas não vê problemas em trabalhar em Apucarana. O que o jovem quer mesmo é uma oportunidade. “Eu moro em Marilândia, mas tenho familiares em Apucarana. Vou aproveitar e entregar currículos nas lojas. Eu quero trabalhar, preciso de um emprego. Uma vaga, mesmo que temporária, pode ser efetiva. Mesmo que não seja, trabalhar nesse período, é ter a garantia que pelo menos por dois meses irei receber um salário”, declara o jovem. 

Ainda segundo Aída Assunção, a expectativa é de 7% de aumento nas vendas no final do ano. Segundo ela, o comércio já se prepara para atender em horário especial. “Oficialmente o comércio começa a atender até as 22 horas, a partir de cinco de dezembro. Estamos estudando a possibilidade de antecipar a chegada do papai Noel. Algumas lojas já entraram no clima do Natal e já estão preparando os enfeites e as promoções. Nós estamos otimistas, o centro da cidade deve ficar lindo para receber todos os nossos clientes”, finaliza. 

Tags relacionadas: #Apucarana #comércio #vagas