Saiba mais
Ver todos
    Você está em

    Apucarana

    Delegado ouve prefeito de Apucarana e mulher suspeita de envolvimento em vídeo difamatório

  • Foto por
    Escrito por da redação
    Publicado em 10/09/2019 Editado em 11/09/2019

    A Polícia Civil iniciou nesta terça-feira (10), as investigações para identificar os envolvidos no caso do vídeo difamatório contra o prefeito de Apucarana, Junior da Femac, que viralizou nas redes sociais. Uma suspeita foi ouvida pelo delegado Marcos Felipe da Rocha Rodrigues na tarde de hoje. O prefeito também foi até a delegacia. Ele foi ouvido e saiu sem dar declarações à imprensa sobre o caso.

    O vídeo que viralizou nas redes é protagonizado pela travesti Valéria Huston conhecida por zoar pessoas na internet. Ela gravou um vídeo "trollando" o prefeito de Apucarana e logo após a repercussão, Valéria divulgou outro vídeo se desculpando pela brincadeira e disse que foi "usada".

    "Gente, eu não conheço o Junior da Femac. Foi uma brincadeira que não foi bem sucedida. Eu fui usada, na verdade, por adversários. Sou artista e comediante e não conheço ele. Quero deixar aqui meu perdão, a minha desculpa", disse Valéria no vídeo. 

    A organizadora da Parada LGBT de Apucarana, Renata Borges, emitiu nota pública sobre o caso. Confira o texto na íntegra:

    "A organização da Parada LGBT de Apucarana tem como fundamento o respeito ao indivíduo e a promoção dos direitos humanos. Infelizmente hoje recebemos em nossas mídias o vídeo da YouTube trollando o prefeito Júnior da Femac, desmoralizado e desrespeitando um vínculo importante o papel de cidadão. Nós LGBT'S sabemos o que é ser alvo de trollagens. Sabemos o que é ser expostos e expostas nas mídias e na sociedade, sabemos o porquê muitos LGBT'S recorrem ao suicídio por não aguentar a exclusão. Desde já, nós como membros da organização da Parada LGBT de Apucarana,  nos solidarizamos com todo processo que o atual prefeito passou, é por isso que lutamos, para que a integridade do indivíduo seja respeitada, para que não haja calúnia e difamação contra a dignidade humana". 

    PM de Apucarana prende ladrões e recupera carga roubada

    PM de Apucarana prende ladrões e recupera carga roubada

    TNTV

    PM de Apucarana prende ladrões e recupera carga roubada

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!

    Deixe seu comentário sobre: "Delegado ouve prefeito de Apucarana e mulher suspeita de envolvimento em vídeo difamatório"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

    Principais matérias