Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Aquecedores a gás pedem manutenção em dia; veja orientações dos bombeiros

.

Casos recentes de acidentes envolvendo instalações de gás para aquecimento residencial têm chamado a atenção pela gravidade. De acordo com o corpo de bombeiros de Apucarana, nunca aconteceu algo do tipo na cidade, mas a manutenção regular das instalações é primordial para evitar situações extremas.

Tenente Emerson Aparecido Rocha, do 11º Grupamento dos bombeiros de Apucarana, explica que o trabalho dos bombeiros nestes casos é de prevenção de acidentes, já que a manutenção nos prédios é de responsabilidade de cada condomínio. “Os bombeiros fiscalizam apenas as normas da central de gás, quando os prédios estão em construção, se tudo no projeto está dentro das especificações como distanciamentos de ralos, pontos de ignição, meios de proteção por extintores, etc. É preciso ter uma empresa responsável pela manutenção, esse aspecto não é fiscalizado pelos bombeiros”, explicou.

O tenente explica que as manutenções preventivas são extremamente importantes para segurança, principalmente na época do frio, que o consumo de água quente aumenta nos condomínios. “Deve-se contratar uma empresa credenciada na manutenção dos aparelhos, verificar quanto a possíveis vazamentos, calibragem de pressão, estado dos dutos onde saem as queimas do gás, enfim, toda parte técnica de manutenção preventiva, bem como deve-se verificar as condições da central de gás, validade de registros e mangueiras e também condições das tubulações”, recomenda.


O bombeiro ainda explica o que fazer em caso de vazamentos de gás nas residências. “É fácil perceber vazamento em área residencial, geralmente se tem um abrigo de gás GLP onde há um registro, que faz a canalização para o aquecedor. Havendo o cheiro de gás e constatado vazamento, deve-se imediatamente desligar o registro e sair do local. As luzes que estiverem acesas devem ser mantidas e as que estiverem apagadas do mesmo modo, pois por não se poder mensurar o volume de gás no ambiente, é prudente não alterar as questões elétricas. Por isso, manter a cena como está, evacuar o local o mais rápido possível e ventilar o ambiente se possível é muito importante, além de acionar os bombeiros através do 193”, finalizou.

Acidentes e prevenção

O caso mais recente de acidentes envolvendo vazamento de gás foi registrado no último domingo (14), em Santo André, São Paulo, quando 4 pessoas de uma mesma família morreram por asfixia após inalar gás de aquecedor a gás no apartamento onde moravam. Em maio deste ano, 6 pessoas de uma mesma família também morreram no Chile, pelo mesmo motivo, enquanto viajam de férias.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber