Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Sindicatos promovem ato público amanhã na Praça Rui Barbosa

.

Foto: Sergio Rodrigo
Foto: Sergio Rodrigo

Trabalhadores de diversas categorias devem se mobilizar amanhã em Apucarana e Arapongas  a paralisações e protestos organizados pelas centrais sindicais em todo o Estado. Professores e funcionários de escolas estaduais dos dois municípios farão paralisação e devem participar de um ato público na Praça Rui Barbosa, em Apucarana, a partir das 15h30. Outras categorias como bancários e representantes de movimentos sociais também devem estar presentes no ato.

A mobilização estadual é um protesto principalmente contra a Reforma da Previdência e aos cortes de orçamento destinados a Educação. Outras pautas, como o pagamento da data base e a valorização das categorias, também serão lembradas.

De acordo com o diretor administrativo do Sindicato dos Bancários de Apucarana e Região, Antônio Pereira da Silva, não haverá greve da categoria, mas o sindicato estará representado na concentração dos atos públicos em Apucarana. “Estamos convocando e solicitando a presença de todos os apucaranenses, da sociedade como um todo, para vir fazer parte do debate, porque é uma decisão importante que afeta a vida de todos, de maneira especial dos mais pobres, e muitos ainda não tomaram consciência da dimensão do ataque que está vindo em cima das políticas públicas”, afirma o sindicalista.

Presidente do Núcleo sindical APP de Arapongas, Márcio Roberto Nogueira Diniz conta que professores e funcionários da rede estadual do município vão paralisar as atividades  e participar do ato que será realizado à tarde em Apucarana. Ele explica também que parte dos representantes do Sindicato estarão em Curitiba participando da assembleia geral do Estado que irá definir se haverá ou não uma greve geral da categoria por tempo indeterminado.

De acordo com informações apuradas junto ao Sindicato dos Empregados no Comercio de Apucarana e Região (Siecap), a categoria não demonstrou interesse em aderir à paralisação. Contudo, os membros do sindicato foram instruídos pela federação a participar da mobilização local.Os Sindicatos dos Trabalhadores da Indústria Moveleira (Sticma) e dos Trabalhadores da Alimentação de em Arapongas e Região (STIAAR) , ainda não haviam definido ações relacionadas aos protestos até o fechamento desta edição. 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber