Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Empresa é autorizada a projetar duplicação de acesso a Apucarana

.

A Prefeitura de Apucarana deu nesta segunda-feira (10/06) mais um passo importante no sentido de viabilizar a duplicação de 2,5 quilômetros de uma das entradas da cidade, em trecho denominado de Rodovia PR-340 (Avenida Minas Gerais) entre o viaduto do Contorno Sul da BR-376 e a Praça Tibagi, nas imediações do Estádio Municipal Olímpio Barreto. Em ato às margens da rodovia e com a presença de muitos empresários e moradores da região, o prefeito Júnior da Femac assinou contrato com a empresa vencedora da licitação - Depai Empreendimentos, da cidade de Dois Vizinhos - autorizando a elaboração especializada de projetos básicos e executivo de engenharia para a duplicação. O valor do investimento é de R$ 179.088,00, com recursos livres da prefeitura, e prazo de execução é de 120 dias.

“Trata-se de um projeto grandioso que vai eliminar os conflitos de mobilidade urbana existentes neste trecho, que é um dos vetores de crescimento de Apucarana. Vai ter rotatória, canteiro central, vias de acesso para indústrias e bairros”, disse o prefeito Júnior da Femac.

Hoje já existem três faixas de rolamento, sendo duas no sentido Califórnia-Apucarana e uma no sentido contrário. “Com mais uma faixa de rolamento e outras adequações necessárias, o trecho garantirá mais segurança e um melhor fluxo de veículos”, reforça Júnior, justificando que a obra há anos se faz necessária devido a expansão industrial e habitacional. “Nesta região a iniciativa privada está presente, com grandes empresas já fixadas há tempo e outras chegando. De um outro lado, o poder público através da gestão Beto Preto, também promovendo a expansão industrial, com a estruturação do Parque da Juruba, e a expansão habitacional, com o Conjunto Habitacional Fariz Gebrim”, detalhou o prefeito, lembrando ainda a existência de importantes bairros no trecho, como o Núcleo Habitacional Adriano Correia e o Núcleo Habitacional Michel Soni (Recanto do Lago), além do campus Apucarana da Universidade Estadual do Paraná (Unespar)”. “Por esta rodovia passam ainda quem busca acesso à Londrina e quem chega de cidades da região e de outras do nosso estado, o que dá a esta estrada da cidade uma importância estadual”, pontuou Júnior.

População e empresários serão chamados para contribuir

Dentro de algumas semanas a empresa especializada deverá apresentar um anteprojeto. “Os empresários e moradores podem ficar tranquilos. Não vamos fazer nada sozinhos e empurrar goela abaixo como era feito antes, pois todos sabem que esta não é a conduta da gestão Beto Preto, que é uma administração do diálogo. Vamos convidar a comunidade interessada para avaliar o que está sendo proposto no anteprojeto e, se preciso for, solicitar adequações para que o projeto definitivo atenda as expectativas de todos que a utilizam”, pontuou Júnior da Femac.

O contrato assinado com a empresa prevê que sejam feitos diversos estudos, entre eles de tráfego, com sondagem feita ao longo das 24 horas de sete dias consecutivos, estudos topográficos, geológicos/geotécnicos, segurança de trânsito e hidrológicos. Os relatórios, memoriais, vistorias, quantitativos e orçamentos terão acompanhamento da

Secretaria Municipal de Obras, concessionária CCR Rodonorte e DER/PR. Uma estimativa preliminar indica que a obra vai absorver cerca de R$ 5 milhões, que serão custeados com recursos já assegurados junto ao Governo Ratinho Júnior. “Hoje é um dia histórico e devemos comemorar muito, mas até podermos assinar essa autorização foram muitos passos, onde a gestão Beto Preto agradece imensamente ao Governador Ratinho Júnior, que logo que assumiu o governo já nos garantiu essa obra, revelando o tom de seu governo, que é abrangente e capaz de olhar as necessidades de todos os municípios do Paraná, e também agradecer aos seus secretários Sandro Alex (Infraestrutura e Logística) e Guto Silva (Casa Civil), pela atenção que dispensam a essa e todas as outras questões ligadas a Apucarana”, destacou o prefeito.

Usuários destacam a importância da duplicação

A contratação da empresa para elaboração do projeto foi comemorada pelos usuários. “Essa entrada da cidade é muito acessada e, sem dúvidas a obra vai beneficiar as indústrias e núcleos habitacionais da região, além de todo o fluxo que engloba o batalhão do Exército e chega ou sai sentido Curitiba. Parabéns ao prefeito Júnior da Femac pela conquista e também pela decisão de abrir a discussão aos usuários com a apresentação do anteprojeto, onde poderemos dar nossa opinião”, disse o empresário Antônio Damas. A presidente da Associação de Moradores do Núcleo Habitacional Adriano Correia, Maria Cota, afirmou que são anos de cobrança. “Foi muita espera, mas finalmente chegou o momento de conversarmos com quem tem competência, como o ex-prefeito Beto Preto e o atual, Júnior da Femac, que sempre nos garantiram que iam buscar recursos para a obra. Este trecho é muito movimentado, por isso é muito comum a ocorrência de acidentes, uns com mortes. Esta duplicação vai salvar vidas”, comemorou a líder comunitária.

A Câmara Municipal de Apucarana esteve representada pelos vereadores Mauro Bertoli e Marcos da Vila Reis. Ambos destacaram a dimensão da obra. “A concessionária já executou a duplicação da BR-376, fez o viaduto do Contorno Sul, e agora o município em parceria com o Governo do Paraná promove essa obra, que vai ser muito importante para o desenvolvimento de Apucarana”, avaliou Marcos da Vila Reis. “Com esse investimento a cidade mostra que vem crescendo e desenvolvendo. Com cerca de 135 mil habitantes, é um pólo regional, cidade universitária. Uma cidade bonita que vai ficar ainda mais bonita ainda com essa duplicação”, disse Mauro Bertoli.


O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber