Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Demanda por veículos adaptados incentiva mercado de ‘motor homes’

.

Liberdade e espírito aventureiro fazem parte da vida de quem decide cair na estrada a bordo dos motor homes. Sonho para muitos, uma casa sobre rodas tem um preço nada acessível: um modelo bem simples pode custar cerca de R$ 100 mil e os mais luxuosos podem chegar a cifras milionárias, dependendo dos opcionais.A procura por este tipo de veículo já desponta em Apucarana, o que fez o arquiteto e empresário Walderci Denobi enxergar a possibilidade de bons negócios.

 Ele, que já trabalha há 35 anos com restauração de veículos antigos, começou há cerca de 6 meses a construção de 3 motor homes. Um dos modelos é para realizar o sonho de ter sua própria casa sobre rodas. Os outros dois já têm compradores interessados. “Sempre quis ter o meu próprio motor home para viajar e percebi um interesse muito grande em alguns amigos, por isso enquanto construo o meu, também faço mais dois para colocar à venda”, conta.

De acordo com dados do Detran, hoje estão registrados 12 veículos motor homes em Apucarana. Na vizinha Arapongas, são 5 do tipo registrados. Por isso, Denobi enxerga um nicho de mercado promissor. “É um negócio lucrativo. Sempre tem quem pergunta, quem quer comprar. Esses dois que estou fazendo vou vender na faixa de R$ 220 mil cada um”, diz.Ele explica que o alto custo se deve ao trabalho que em sua maior parte, é artesanal, desde a marcenaria, até a parte elétrica e tapeçaria. “O trabalho para a fabricação demora de seis a oito meses, é um serviço artesanal, tem que fazer tudo, não acha peças para comprar, por isso o preço varia muito, dependendo do acabamento desejado. Eu posso fabricar aqui modelos de R$ 80 mil até R$ 350 mil, depende do bolso do freguês”, explicou.

‘Casal aventura’ adota vida estradeira

Adeptos da casa sobre rodas, o casal Ivo e Celina Wissner comprou um motor home há 3 anos. De lá para cá, eles já fizeram 25 viagens pelo sul e sudeste do Brasil. Sonho do casal aventureiro que sempre praticou camping, a compra do veículo foi planejada por 15 anos. “Sempre que a gente acampava e via os motor homes, sonhávamos em ter o nosso. Começamos a pesquisar na internet e amadurecer a ideia, até que em 2016 adquirimos o nosso e fizemos nossa primeira viagem, para Pirituba em Santa Catarina”, lembra Ivo Wissner.

Celina Wissner conta que também dirige o veículo durante as viagens e ama os passeios em família. Os encontros de motor home também estão na lista das viagens preferidas. “Participamos de muitos encontros no Rio Grande do Sul, em Santa Catarina e no Paraná. É muito bom porque fazemos muitas amizades e trocamos experiências”, afirma.

Ivo e Celina costumam viajar com outros três casais de Apucarana que também tem motor home, o que tem estreitado cada vez mais a amizade deles. Para o casal aventureiro, além das amizades feitas na estrada, outras vantagens de viajar em uma casa sobre rodas é a economia e a liberdade. “Viajar de motor home sai mais barato do que pagar hotéis e restaurantes, já que podemos cozinhar como fazemos em casa. Também ficamos livres para passear como e quando queremos”, explica Ivo Wissner.

A próxima grande viagem do casal Wissner está sendo planejada para o ano que vem. Eles pretendem passear pela América do Sul. “Estamos nos preparando para viajar pelo Uruguai, Argentina e Chile”, conta Celina.
Ivo e Celina são unânimes em dizer que recomendam a experiência e compartilham um único arrependimento: não ter começado antes. “Se pudesse voltar no tempo, tínhamos começado a viajar de motor home antes, para aproveitar mais”, brincam.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber