Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Potencial de consumo da região chega a R$11,5 bilhões

.

O potencial de consumo dos 26 municípios do Vale do Ivaí, mais Arapongas, para esse ano é de R$ 11,5 bilhões. Com R$ 3,6 bilhões estimados, Apucarana é o município que mais se destaca. Os números constam em estudo realizado pelo IPC Maps e divulgados nesta semana.

O levantamento, que é realizado todos os anos, pela IPC Marketing Editora, especializada no cálculo de índices de potencial de consumo nacional, colocou Apucarana em primeiro lugar entre as cidades do Vale e o 13º município entre as cidades de todo Paraná.

Arapongas também é destaque, é a 15ª cidade do Estado e segundo município da nossa região com melhor potencial de consumo, chegando aos R$3,36 bilhões. Juntos, os dois maiores municípios da região somam um potencial de mais de R$ 6,9 bilhões, representando mais da metade da expectativa regional.

O potencial de consumo mostra a capacidade de compra dos moradores e também estimativa de movimentação econômica nessas cidades. Apesar de uma queda de 10% em relação a 2018, quando Apucarana, de acordo com a mesma pesquisa, apontou um potencial de consumo de R$4 bilhões, os números deste ano são considerados positivos.

Para o presidente da Associação Comercial de Apucarana (Acia) Jayme Leonel, a pesquisa foi divulgada em um ótimo momento, mostrando o potencial de vendas, assim animando o comerciante. “ Estamos nos aproximando do Dia das Mães, segunda data em vendas mais importante para o comércio. Estamos com a estrutura toda montada, essa pesquisa só nos mostra o quanto temos potencial, animando os empresários para irem em busca desse potencial”, comenta.

Ainda de acordo com Leonel, como Apucarana é sede administrativa de vários órgãos federais e estaduais, o que aumenta o fluxo de pessoas, fazendo da cidade um grande polo.

Arapongas também apresentou uma queda de 5,2%. No ano passado, o potencial de consumo era de R$3,8 bilhões. Para este ano, são R$3,6 bilhões para 2019. 

Na avaliação da Associação Comercial e Empresarial de Arapongas (Acia), os números foram conquistados diante de um cenário totalmente desafiador, em uma economia em recuperação. “Já tivemos um bom saldo na geração de empregos durante o primeiro trimestre. Foram 388 vagas.  Ou seja: 300% a mais que durante o primeiro trimestre de 2018. É um longo caminho que temos pela frente, mas nossa economia está voltando a se fortificar, se tornando sólida novamente ”, comenta Evelyse Segura, presidente da Acia de Arapongas. 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber