Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Palestra reúne colaboradores do “Providência" e "Materno Infantil”

.

O Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) do Hospital da Providência e Materno Infantil realizou palestra para os colaboradores dos setores assistenciais, administrativos e apoio. A ação realizada em dois dias, teve como objetivo mostrar o trabalho realizado pelo SCIH dentro das Instituições.

De acordo com o Diretor Executivo dos Hospitais de Apucarana e membro da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) que fiscaliza o serviço, todos os colaboradores são importantes para que as Instituições continuem com o bom trabalho no controle de infecções, como vem sendo realizado. “Nosso serviço é efetivo e temos excelentes resultados no controle das infecções. Explicamos aos colaboradores o trabalho desenvolvido e como todos são importantes para esse controle”, explica.

“Fazemos um trabalho rigoroso dentro dos Hospitais, dentre as ações, realizamos visitas diárias aos pacientes, repassamos orientações tanto para eles como aos acompanhantes e se é necessário o isolamento no período do internamento, para o controle de doenças, explicamos as formas de proteção para o bem-estar do paciente e da equipe que o atenderá, pois no ambiente hospitalar, todos os colaboradores, pacientes e acompanhantes contribuem para o controle das infecções”, afirma Naiara Caroline Candido, enfermeira coordenadora do SCIH.

Dentre os temas abordados, a enfermeira Naiara ressaltou a importância da higienização das mãos. “Acho muito bom ter sempre essas orientações, a higienização correta das mãos é necessária sempre antes do atendimento aos pacientes e após, pois o ponto principal do controle da infecção é a higienização correta das mãos”, afirma Josiane Cavenaghi, enfermeira da UTI adulto.

Rosângela Almeida colaboradora do setor de higiene e limpeza, foi uma das colaboradoras que participou da palestra. “Tomamos todas as precauções necessárias para a nossa segurança e dos pacientes, limpamos cada local com materiais específicos, sempre utilizamos luva e quando a tiramos lavamos muito bem as mãos e passamos álcool”, fala.

Além da higienização das mãos, cuidados como o uso exclusivo dos equipamentos de proteção individual, esterilização rigorosa dos instrumentais cirúrgicos também foram relembrados. “Nosso controle de infecção no ambiente hospitalar é muito rígido, todos participam e temos mantido um bom nível desse trabalho, esperamos continuar esse processo de conscientização no intuito de esclarecer as dúvidas e também de poder contar com a colaboração de todos”, finaliza Guilherme.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber