Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Apucarana obteve melhor classificação em estudo da Abes

.

Nove municípios da região se destacaram no II Ranking da Universalização do Saneamento, feito pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes), que destaca as iniciativas para a melhoria da prestação do serviço. Apucarana é a cidade da região melhor colocada. O município foi enquadrado ficar na categoria ‘Compromisso com a Universalização’, a segunda mais alta. A cidade ainda foi destacada pela publicação por ter obtido a nota mais alta possível em um dos quesitos analisados.

O ranking é feito com base em cinco critérios: abastecimento de água, coleta de esgoto, tratamento de esgoto, coleta de resíduos sólidos e destinação adequada de resíduos sólidos. Cada critério tem pontuação máxima de 100. Eles são somados e resultam na pontuação final de Saneamento Básico dos municípios.De um máximo de 500, a pontuação de Apucarana ficou em 469,30. O maior destaque ficou por conta do quesito ‘destinação adequada de resíduos sólidos’, que a cidade obteve avaliação máxima.

“Este resultado é fruto dos investimentos que a Sanepar vem realizando em Apucarana ao longo dos últimos anos. Para citar um exemplo importante, a cidade passou de uma cobertura de esgoto de 30% para 80% em cinco anos. Estas melhorias promovem qualidade de vida e saúde para toda a população”, afirma Luiz Carlos Jacovassi, gerente regional da Sanepar de Apucarana.Das cidades tidas como de grande porte, Arapongas também aparece na pesquisa da Abes. O município obteve 449,07 pontos, sendo classificada na categoria ‘Empenho para a Universalização’. 

Os outros sete municípios também aparecem com esta mesma classificação, porém entre os municípios de pequeno e médio porte. São eles Jandaia do Sul (402,80 pontos), São Pedro do Ivaí (386,71), São João do Ivaí (354,52), Ivaiporã (334,07), Marumbi (268,45), Rosário do Ivaí (239,44) e Marilândia do Sul (205,79).De acordo com a Sanepar, foram investidos R$ 1 bilhão nos últimos seis anos nos municípios da região em saneamento básico.Os municípios foram reunidos em quatro grupos: 

‘Rumo à Universalização’, quando a pontuação fica acima de 489; ‘Compromisso com a Universalização’, com pontuação de 450 a 489; ‘Empenho para a Universalização’, de 200 a 449,99; e ‘Primeiros passos para a Universalização’, abaixo de 200.Foram avaliados 1.894 municípios que já têm atendimento com coleta e tratamento de esgoto, de acordo com dados de 2016 do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) do Ministério da Saúde. Esses municípios representam 34% do total de municípios brasileiros e 67% da população.Curitiba foi a única capital do Brasil a ser premiada com a mais alta pontuação. No Paraná, ficaram na categoria mais alta do levantamento as cidades de Cambé, Cascavel, Londrina, Maringá e Pinhais, entre os municípios de grande porte; e, entre os de pequeno e médio portes, Campo Mourão, Cornélio Procópio, Guaratuba e Ibiporã.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber