Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Furtos de veículos registram alta de 72,4% no 1º bimestre 

.

foto - Tribuna do Norte/Delair Garcia
foto - Tribuna do Norte/Delair Garcia

O número de furtos de veículos aumentou 72,4% em Apucarana no primeiro bimestre de 2019 em comparação com o mesmo período do ano passado, segundo balanço divulgado pela Polícia Militar (PM). Foram 50 ocorrências do tipo em janeiro e fevereiro de 2019 contra 29 nos dois meses do ano passado.

Já os roubos de veículos caíram. A PM registrou 8 casos no começo do ano passado e apenas 3 em 2019, uma queda de 62,5%. Houve, por outro lado, um crescimento na recuperação de veículos na ordem de 140%. Foram 48 contra 20.

O levantamento aponta ainda aumento de 21% nas prisões por tráfico de drogas: 46 no primeiro bimestre deste ano contra 38 no mesmo período de 2018. Já as ocorrências de prisões por consumo de drogas caíram 54%: 22 neste ano contra 48 em 2018.Ainda conforme o balanço da PM, o número de furtos aumentou 2,6%, passando de 381 para 391. Já os roubos recuaram 50% na cidade em janeiro e fevereiro deste ano. Foram 74 casos no primeiro bimestre de 2018 contra 37 neste ano.

As estatísticas do primeiro bimestre também mostram queda de quase 10% nas prisões e apreensões de suspeitos: 293 neste ano contra 328 no ano passado.A tenente Kelly Wistuba de França, do 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM), ressalta a redução dos roubos. “A queda foi de 50%, o que é importante. 

Os roubos representam situações mais traumáticas para as vítimas, pois os criminosos usam da força ou da ameaça para praticar o delito”, assinala.Em relação aos furtos de veículos, ela pondera que a população precisa tomar algumas medidas preventivas. “Há muitos casos de descuido. Motoristas que param em frente a alguma agência bancária, por exemplo, e não trancam o veículo porque já vão voltar. Há também muitos casos de pessoas que param os carros em locais ermos, com pouca iluminação. É preciso tomar algumas medidas de prevenção, especialmente no período noturno”, assinala. 

Ela observa, por outro lado, que houve um crescimento na recuperação de veículos furtados (140%).Em relação às drogas, ele afirma que o aumento das prisões por tráfico é reflexo do maior número de operações. A queda das prisões ou apreensões de usuários é causada pelo mesmo motivo. “Por conta da tolerância zero da PM ao tráfico e consumo de drogas, muitos usuários deixaram de consumir as drogas em praças e outros locais públicos”, completa.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber