Apucarana

Oncologista do Hospital da Providência orienta sobre o câncer de pele

Da Redação ·
imagem ilustrativa
imagem ilustrativa

Com a chegada do verão a exposição ao sol aumenta e os riscos para a pele também. De acordo como Instituto Nacional do Câncer (INCA), o câncer de pelerepresenta 33% dos diagnósticos desta doença no Brasil e todo ano surgem cerca de 180 mil novos casos.

continua após publicidade

Os sintomas do câncer de pele variam. De acordo com o médico oncologista do Hospital da Providência, Dr. Osvaldo Szenczuk, deve-se ficar atento aos sinais, como lesões de pele que coçam, descamam, ardem ou sangram. “Dentre os tipos de cânceres, o melanoma, tipo de tumor mais agressivo, são lesões de pele assimétricas, ou seja, uma metade da lesão é diferente da outra e possuem bordas irregulares, normalmente com variação de cores que podem ser pretas, marrons ou azuladas, muitas vezes as cores se apresentam na mesma lesão, o tamanho normalmente é maior que seis milímetros”, explica.

Ao apresentarem os sintomas, deve-se procurar atendimento médico. “O diagnóstico é feito a partir de exames clínicos e biópsia. As formas de tratamentos variam, na maioria das vezes é necessário o paciente passar por cirurgia, mas métodos como radioterapia e o uso de cremes específicos indicados pelo especialista, também são formas de tratamentos”, diz o oncologista.

continua após publicidade

O principal motivo de ocorrência do câncer de pele é a exposição ao sol, sendo mais prejudicial entre os horários das 10h às 16h. “Todos devem evitar tomar sol nesse horário, muitas vezes crianças e adolescentes ficam bastante expostos, principalmente no período de férias, mas as orientações são para todas as idades e todos devem prevenir-se, utilizando proteção solar, chapéus, roupa de manga cumprida e não deve-se esquecer do protetor labial”, finaliza o médico.

O Hospital da Providência dispõe de uma Unidade de Oncologia para tratamento de câncer. Localizada na rua Osório Ribas de Paula, 553, ao lado do Terminal Urbano. Os telefones de contato são (43) 3420 1405 e (43) 3420 1437.