Facebook Img Logo
Mais lidas
Apucarana

Apucarana tem 91,3 mil eleitores aptos a votar no pleito deste ano

.

Passado o prazo final para inscrição de novos eleitores, regularização de títulos e transferência de domicílio, encerrado no último dia 9 de maio, o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) já tem praticamente finalizado o número de eleitores aptos a votar na maioria dos municípios do Estado. Os cartórios eleitorais não farão qualquer outro procedimento neste sentido até depois do segundo turno das eleições, que acontecem em outubro.


Levantamento mostra que Apucarana ganhou mais 4,4 mil eleitores para o pleito deste ano em comparação com outubro de 2016, enquanto Arapongas teve perda de 4,9 mil. Esta redução em Arapongas deve-se basicamente ao número de cidadãos que não compareceram para fazer a biometria no ano passado.

Dados da Justiça Eleitoral apontam que Apucarana teve um aumento de 5,2% no seu eleitorado em relação ao que havia nas eleições municipais de 2016, quando a quantidade era de 86.846. Hoje, o município conta com 91.343 eleitores aptos a votar. Número ainda pode sofrer alguma alteração até processamento final dos eleitores por parte do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), porém pouca coisa deverá mudar.

Apesar dos apelos do Cartório Eleitoral para regularização de títulos dentro do prazo, Apucarana ainda registra um alto número de documentos cancelados, num total de 14.630. Segundo a chefe do cartório da 28ª Zona Eleitoral, Andréa Silva Milanin, a maioria desses cancelamentos refere-se a eleitores que não fizeram o recadastramento biométrico em 2015 ou não votaram nas três últimas eleições. O restante é de pessoas que mudaram o domicílio eleitoral ou já morreram. “Quem não regularizou o título não poderá votar nas eleições de outubro deste ano”, observa Andrea. Ela lembra que nos três dias que antecederam o prazo final – 7, 8 e 9 de maio – o cartório funcionou em horário especial das 9 às 19 horas para atender aos eleitores retardatários, porém a procura não foi a esperada.

Os dois outros municípios pertencentes à Comarca de Apucarana também registraram aumento de eleitores em comparação com o que havia no pleito de 2016, quando foram eleitos prefeito, vice e vereadores. Naquele ano, Cambira tinha 5.385 eleitores, hoje tem 5.745, um acréscimo de 6,6%. No entanto, município ainda contabiliza 1.047 títulos cancelados.

Novo Itacolomi tinha 2.561 eleitores em outubro de 2016, hoje tem 2.589, um aumento de 1,1%. No entanto, há 246 títulos cancelados.

 

ARAPONGAS

De acordo com dados da Justiça Eleitoral, Arapongas conta hoje com 77.088 eleitores aptos a votar, 4,4 mil a menos do que havia em outubro de 2016, quando eram 82.043. A redução é de 6%. O número de títulos cancelados soma 17.934, dos quais 8.138 referem-se a eleitores que não fizeram o recadastramento biométrico.

Já Sabáudia, que também pertence à Comarca, tem hoje 5.364 eleitores aptos a votar, contra 5.786 inscritos no pleito de outubro de 2016. A baixa é de 7,3%. Número de títulos cancelados é de 1.200.

Segundo o chefe do Cartório da 61ª Zona Eleitoral da Comarca, Alex Petrucci, o número de eleitores ainda poderá sofrer pequena alteração em Arapongas. Já Sabáudia está com seu quadro finalizado.

 

 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber