Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Corpo de moça que morreu afogada em Apucarana permanece na geladeira do IML

.

Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana  - Foto: Sérgio Rodrigo/TN
Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana - Foto: Sérgio Rodrigo/TN

O corpo de uma moça que morreu afogada no sábado (31) ainda permanece na geladeira do Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana na manhã desta terça-feira à espera de que algum familiar venha retirá-lo para veório e sepultamento, informaram fontes do órgão. 

O corpo de Taila Vitória Yasmim Pacheco, de 23 anos, foi encontrado boiando na Lagoa do Schmidt, na zona norte da cidade. A Polícia Civil trata o caso como afogamento porque não há indícios de crime. 

Logo após a localização, a polícia recebeu informação de que o cadáver poderia ser de uma moradora de rua. O corpo foi reconhecido por um homem que trabalha recolhendo lixo reciclável que teria convivido com Taila durante sua estadia em Apucarana. 

O amigo da moça foi localizado pela polícia e confirmou que conviveu com Taila durante um tempo. Ele disse que ofereceu abrigo para a moça, que era usuária de drogas. Ainda conforme o relato, o homem teria presenciado tentativas de suicídio de Taila.

A Polícia Civil ainda tenta localizar a família da moça, que seria de Ribeirão Preto, São Paulo, onde ela teria abandonado dois filhos pequenos.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber