Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Vereadores manifestam repúdio pela abertura dos supermercados na Sexta-feira Santa

.

O vice-presidente, Franciley Preto Godoi, Poim, disse que repudia a atitude dos mercados que pretendem abrir suas portas na Sexta-feira Santa: “Eles não respeitam a Igreja
O vice-presidente, Franciley Preto Godoi, Poim, disse que repudia a atitude dos mercados que pretendem abrir suas portas na Sexta-feira Santa: “Eles não respeitam a Igreja"

Durante a sessão extraordinária realizada na tarde desta quarta-feira (28/03), na Câmara Municipal de Apucarana (norte do Paraná), os vereadores manifestaram descontentamento com relação as redes de supermercados que irão abrir na Sexta-feira Santa (30/03)  para atendimento ao público. Eles destacaram a importância do feriado e da tradição para a comunidade católica, que representa a maioria da população da cidade. O manifesto de repúdio contou com apoio, inclusive da bancada dos vereadores evangélicos Márcia de Sousa e Rodolfo Mota, que se solidarizaram com os funcionários dos estabelecimentos comerciais.

O presidente do legislativo Mauro Bertoli, explicou porque é contra a abertura dos mercados. "Temos que respeitar a sexta-feira santa, os cristãos, a fé de cada um. Me solidarizo com cada funcionário que terá que  trabalhar neste dia".

O vice-presidente, Franciley Preto Godoi, Poim, disse que repudia a atitude dos mercados que pretendem abrir suas portas. “Eles não respeitam a Igreja, não respeitam essa data importante para todos nós”, disse Poim.

Na opinião do vereador Luciano Augusto Molina, os consumidores ainda vão ter a opção de se reservarem no direito de não irem ao mercado e ficarem em família respeitando o feriado religioso. “Já os funcionários não terão essa mesma opção. Eles terão que comparecer ao trabalho”.

O vereador Lucas Leugi, se solidarizou aos demais vereadores e lembrou que essa questão já foi discutida em 2017 e teve intervenção do prefeito Beto Preto. “Esse ano o cenário é diferente. Sou católico, assim como toda minha família e muitas famílias apucaranenses e não concordo com a abertura dos mercados. Muitos cristãos vão trabalhar. Deixo meu descontentamento”, afirma o vereador.

Marcos da Vila Reis, lembrou que sexta-feira é um dia santo, momento em que Cristo derramou o seu sangue para salvar a humanidade. “Considero falta de respeito. Os direitos dos cristãos têm que ser respeitados. Em nome do dinheiro, pesa no que é sagrado”.

Mais repúdio
Os vereadores Gentil Pereira, Edson Freitas e Antônio Carlos Sidrin também manifestaram repúdio à abertura dos mercados. “Os funcionários estão sendo proibidos de executarem sua fé. Não podemos concordar com isso”, disse Gentil. Ao finalizar, Sidrin relatou sua insatisfação com os supermercados que irão atender no dia santo e anunciou que o supermercado Alvorada não irá trabalhar na sexta-feira.

Projetos aprovados
Ainda na sessão extraordinária os vereadores prestaram homenagens ao servidor Irandi da Silva, o “Dida”, que faleceu na terça-feira. Ele comandava uma equipe de poda de árvores da Prefeitura Municipal de Apucarana. Dida era um servidor exemplar, amigo, eficiente e digno no cumprimento de suas funções. 

A próxima sessão ordinária está marcada para segunda-feira (02/04), às 16 horas.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber