Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Apucarana paga R$ 3 milhões de obrigações trabalhistas

.

No início do seu primeiro mandato, em 2013, o prefeito de Apucarana, Beto Preto (PSD), foi surpreendido com sucessivas notificações da Receita Federal, referentes a multas trabalhistas, falta de recolhimento de encargos e do Pasep, que somavam em torno de R$ 3 milhões. “Os valores eram elevados e não havia condições de quitar tais dívidas, por isso recorremos a um parcelamento de sessenta meses, ou seja, de cinco anos”, explica o secretário municipal da Fazenda, Marcello Augusto Machado, anunciando que o montante já está próximo de ser integralmente quitado.

Segundo ele, mediante um rigoroso controle de despesas foi possível assumir e honrar esse parcelamento de obrigações trabalhistas da Prefeitura de Apucarana. “Infelizmente, os antecessores do prefeito Beto Preto deixaram de cumprir suas obrigações com relação ao recolhimento de encargos sociais”, lamenta Machado, assinalando que, “após cinco anos, essa dívida está sendo amortizada pelo prefeito Beto Preto.O secretário da Fazenda revela que até o mês de maio todos os parcelamentos da área trabalhista estarão definitivamente pagos. “Pagamos mensalmente R$ 51.276,85, oriundos de multas trabalhistas por descumprimento da CLT, além de falta de recolhimento do Pasep. Isso resultou num montante de R$ 3.076.611,00”, revela o secretário.

Para o prefeito Beto Preto, infelizmente “é dinheiro bom que sai dos cofres da prefeitura para sanar descumprimento de obrigações de ex-gestores”. “Esses três milhões de reais seriam suficientes para reformar e ampliar mais três ou quatro escolas municipais, ou asfaltar mais três bairros”, avalia ele, assinalando ainda que “Apucarana tem pressa em resolver seu passado, para avançar no presente e no futuro”. 

Marcello Machado conclui que, “apesar dos avanços significativos desta gestão, é importante que os apucaranenses saibam que, somente no primeiro trimestre de 2018, já saíram dos sofres da prefeitura R$ 5 milhões para pagamento de dívidas herdadas, sendo que R$ 3,3 milhões são referentes a precatórios trabalhistas”. 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber