Facebook Img Logo
Mais lidas
Apucarana

Dia do Boné é comemorado em Apucarana com produção mensal de 4 milhões de unidades

.

Dia do Boné é comemorado em Apucarana com produção mensal de 4 milhões de unidades Foto: TNONLINE
Dia do Boné é comemorado em Apucarana com produção mensal de 4 milhões de unidades Foto: TNONLINE

Hoje (31) é comemorado o Dia do Boné. Um dado foi instituído devido a uma fundação da primeira fábrica de bonés em Apucarana. Atualmente, é o setor que mais emprega na cidade, que é reconhecido hoje como Capital do Boné.

São produzidos em Apucarana cerca de 4 milhões de bonés por mês, bonés de loja, revistas, bonés de marca e promoção, atendimento ao coordenador do APL de Bonés, Jayme Leonel, durante entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira (31) pela manhã , na sede do Sindicato das Indústrias do Vestuário de Apurações e Vale do Ivaí (SIVALE), uma das diversas categorias ligadas à APL.

De acordo com Leonel, o setor tem sentido o reflexo da política nos últimos anos, porém vem lutado para se manter no mercado. "A cada dia superamos um obstáculo para continuar. Mas como entidades ligadas ao setor de bonés e vestuário projetam um cenário otimista para 2018. Depois de reduzir o quadro funcional até 30%, o segmento começou a retomada já nenhum final do ano passado e o impulso continua neste início de 2018, com uma reposição de parte dos funcionários ", destacou. 

Segundo ele, como ações da APL de Bonés vem de encontro com as necessidades das empresas. "Trabalhamos ações de mercado para abrir novos canais de comercialização", explica Leonel.

O começo
A fabricação de bonés em Apucarana teve início em 1974, a partir da produção artesanal de bandanas e tiaras que são comercializadas em feiras agropecuárias, exposições e nas praias do litoral paranaense. Hoje, Apucarana é um dos grandes polos na confecção do artigo e de produtos associados (bandanas, bolsas, porta CD e camisetas).

20 mil empregos
Jayme Leonel estima que o segmento do vestuário, envolvendo bonés, camisetas, jeans e moda, gera cerca de 10 mil empregos diretos e outros 10 mil indiretos. "Um levantamento feito pela Federação das Indústrias do Paraná, realizado há cerca de três anos, mostrou que Apucarana tinha mais empregos formais do que Maringá e Cianorte, que são dois centros importantes do vestuário não Paraná", compara. 

Segmento envolvendo bonés, camisetas, jeans e moda gera cerca
de 10 mil empregos diretos e 10 mil indiretos Foto: Divulgação

Data emblemática
O Arranjo Produtivo de Bonés (APL Bonés) foi implantado em 2003, época em que Apucarana vivia o "boom" do artigo. "O Dia do Boné foi criado alguns anos depois, após a realização de uma pesquisa para definir uma informação comemorativa. Foram deixadas urnas para votação em vários pontos e foram escolhidos 31 de janeiro, dia em que foi registrada formalmente um primeiro segmento deste segmento na cidade ", lembra Jayme Leonel. 

Beatriz Poletto, consultora do Sebrae, afirma que é uma governança do APL pensa semanalmente o boné ea moda dentro do segmento vestuário. "Um grupo de empresários se reúne todas como quintas-feiras, das 7h30 às 8h30, na sede do Sivale. É um grupo que pensa e se preocupa com o futuro do segmento. O resultado vem em forma de ações para os setores envolvidos, como oportunidades de participação de rodadas de negócios e produtos de produtos e vendas no país ", exemplifica a consultora do Sebrae. 

Polo das facções
O prefeito de Apucarana, Beto Preto, emaltece o desempenho e importância do setor de confecções na economia de Apulharana, principalmente na geração de empregos. "Tudo começou com o boné e hoje are being incorporados outros segmentos como jeans, moda e camisetas, gerando uma maior parcela dos postos de trabalho na cidade", comenta o prefeito, cumprimentando empresários e trabalhadores do setor.   

Beto Preto lembra que pretende ativar ainda no primeiro semestre o "Polo das facções", que é um serviço bancário adquirido pelo município. "O espaço ir abrigar micro-empresas do setor de confecções, no formato de incubadora, dando suporte para que se desenvolva sem início de suas atividades", anuncia Beto Preto. 




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber