Facebook Img Logo
Mais lidas
Apucarana

Apucarana amplia investimento no pré-natal

.

Na condição de referência em gestação de alto risco, e colocando em prática a descentralização das consultas do pré-natal, Apucarana tem consolidada uma ampla rede de atendimento às gestantes da cidade e também da região. O programa mantido pela Autarquia Municipal de Saúde (AMS) está presente em dezoito UBS. “Já capacitamos cerca de 50 profissionais da AMS, entre médicos e enfermeiros, visando expandir a descentralização do pré-natal”, informa superintendente da Atenção Básica da AMS, Marcelo Viana de Castro.

O diretor presidente da AMS, Roberto Kaneta, detalha que a consulta pré-natal nas UBS tem como foco as mulheres com gestação de baixo risco e que o atendimento é prestado por médicos com especialidade em Medicina da Família e Comunidade. 

“Os casos identificados durante as consultas como gestação de risco intermediário e alto risco serão encaminhados a Escola da Gestante e passam a ser acompanhados simultaneamente pelo obstetra daquele local, bem como pelo médico da UBS da comunidade em que a mulher grávida residir”, explica.

A realização do pré-natal na própria UBS do bairro da gestante é uma recomendação da OMS e também reforçada pelo programa Rede Mãe Paranaense, do Governo do Estado, como forma de facilitar o acesso ao atendimento.

CARDIOTOCÓGRAFOS
O prefeito Beto Preto destaca que a implementação de novas medidas para prestar um atendimento de melhor qualidade na saúde é uma preocupação constante. Ele lembra que o Hospital Providência Materno Infantil vem recebendo novos investimentos e terá em breve um aporte de recursos de R$ 500 mil do Ministério da Saúde.

“Recentemente, as cerca de novecentas gestantes que são atendidas na Casa da Gestante passaram a dispor de dois novos aparelhos de cardiotocografia, um equipamento de última geração nas consultas do pré-natal”, informa Beto Preto, acrescentando que o equipamento serve para avaliar o bem estar do feto e da mãe, como o batimento cardíaco fetal e as contrações uterinas.

“Nós contratamos mais médicos e enfermeiros e aumentamos significativamente a oferta de consultas e exames, além de comprar novos equipamentos. Criamos ainda a Residência profissional de enfermagem em obstetrícia, que reforçou o atendimento nas UBS, no Materno Infantil e na Casa da Gestante”, relata o prefeito. 


O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber