Apucarana

Setor gastronômico ganha força em Apucarana

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Setor gastronômico ganha força em Apucarana
Setor gastronômico ganha força em Apucarana

A alimentação tem se mostrado um setor em alta em Apucarana, mesmo com a crise pela qual a economia nacional passa atualmente. Bares, restaurantes, lanchonetes, lojas de conveniência e demais estabelecimentos têm aumentado na cidade. Uma característica comum observada na maioria dos estabelecimentos é a adaptação para atingir cada vez mais público.

continua após publicidade

De acordo com o setor de Tributação da Prefeitura de Apucarana, foram cedidos 38 alvarás para a abertura de bares, restaurantes e lanchonetes em Apucarana ao longo deste ano. O maior volume é de lanchonetes, com a abertura de 19 estabelecimentos em 2017, um aumento de 58,3% em relação ao ano passado. Segundo informações da Vigilância Sanitária, entre restaurantes, bares e lanchonetes, a cidade tem pouco mais de 500 estabelecimentos em funcionamento na cidade.

Um dos novos estabelecimentos abertos neste ano é o bar e restaurante de Everton Choma, em operação há cerca de um mês. Ele já possuía, há três anos, uma cervejaria artesanal e vê a abertura do novo estabelecimento como uma evolução do negócio. 

continua após publicidade

“Sempre tive esse objetivo de abrir um bar da fábrica. Esta é uma tendência entre as cervejarias artesanais. Por isso, aumentamos a capacidade de produção e colocamos em prática um planejamento que já existia há algum tempo”, conta ele.Porém, ele acredita que o maior desafio vem agora. “Abrir um negócio é complicado, mas mais difícil ainda é manter um fluxo de consumidores. Muitos vêm nos primeiros meses para conhecer o local, por isso o movimento no começo é bom. O segredo é manter esse movimento. Por isso, estamos buscando variedade, com vários tipos de cerveja para que sempre haja alguma novidade para quem volta ao bar. Essa adaptação do negócio ao público é fundamental”, diz.

A matéria completa você confere na edição impressa deste domingo (17), do jornal Tribuna do Norte.