Apucarana

Delegado fala de empresário investigado sobre suposto abuso sexual de funcionária

Da Redação ·
Delegado-chefe da 17ª SDP fala sobre empresário investigado sobre suposto abuso sexual de funcionária - Foto: TNONLINE
Delegado-chefe da 17ª SDP fala sobre empresário investigado sobre suposto abuso sexual de funcionária - Foto: TNONLINE

O delegado-chefe da 17ª Subdivisão Policial (SDP), José Aparecido Jacovós, concedeu entrevista nesta terça-feira (11) sobre inquérito que apura denúncia de uma funcionária que acusa empresário de Apucarana de suposto assédio sexual, inclusive com uma gravação em cd anexada aos autos.

continua após publicidade

Segundo Jacovós, o nome do empresário ainda não foi divulgado porque o mesmo ainda não foi ouvido e não houve flagrante na situação. "Em algumas situações, a polícia chega e pega a pessoa em flagrante cometendo o crime. Aí esses presos são apresentados e os nomes são divulgados. Há ainda situações de cumprimentos de mandados judiciais e os repórteres têm facilidade para tomar conhecimento das informações, pois a Delegacia é um local público", observa o delegado

Autora de denúncia pediu sigilo
Jacovós frisou que a própria autora da denúncia do suposto assédio sexual por parte do patrão pediu sigilo para ser preservada. "Nesse tipo de situação, nós, como autoridade policial, não podemos divulgar fatos quando a potencial vítima pediu sigilo. Vale ressaltar que o empresário citado ainda não foi ouvido para dar sua versão e, de fato, nada de concreto ficou comprovado ainda. Mas existe uma gravação do suposto assédio nos autos e estamos investigando. Caberá ao Ministério Público oferecer denúncia ou não contra esse empresário após a conclusão do referido inquérito", completa o delegado-chefe da 17ª SDP.