Apucarana

Acusado de matar homem que lhe pediu bebida alcoólica é julgado hoje 

Da Redação ·
Mais um júri popular é realizado nesta terça-feira (7), no Fórum Desembargador Clotário Portugal, na Comarca de Apucarana - Foto: TNONLINE
Mais um júri popular é realizado nesta terça-feira (7), no Fórum Desembargador Clotário Portugal, na Comarca de Apucarana - Foto: TNONLINE

Mais um júri popular é realizado nesta terça-feira (7), no Fórum Desembargador Clotário Portugal, na Comarca de Apucarana.

continua após publicidade

De acordo com denúncia oferecida pelo Ministério Público (MP), Sílvio Aparecido Marques é acusado de agredir e provocar lesões em Valmir Mafra, que faleceu por conta dos ferimentos.

O crime aconteceu na Rua Ponta Grossa, no centro de Apucarana, em 27 de outubro de 2001. Outro rapaz era suspeito de participar da agressão, mas essa suspeita foi desqualificada posteriormente.

continua após publicidade

Ainda conforme a denúncia do MP, Valmir foi espancado porque teria pedido bebida alcoólica para réu, que não gostou e passou a agredi-lo com socos e chutes. A vítima morreu em decorrência de hemorragia cerebral provocada pelas agressões.

A sessão do Tribunal do Júri é presidida pelo juiz Osvaldo Soares Neto. Na defesa trabalha o advogado Heitor e na acusação a promotora pública Marina, que veio recentemente de Cianorte para Apucarana.