Mais lidas
Apucarana

Expoagri traz mostra de trabalhos no Colégio Agrícola

.

Vários trabalhos estão sendo apresentados na Expoagri
Vários trabalhos estão sendo apresentados na Expoagri

Foi aberta nesta quinta-feira (26) e segue até sábado (28), a exposição de trabalhos dos alunos do Colégio Agrícola Estadual Manoel Ribas, de Apucarana. As portas da instituição estão abertas para quem quer conferir os trabalhos dos 310 alunos dos cursos técnico em agropecuária e em meio ambiente.

A exposição foi aberta na manhã desta quinta-feira e contou com a presença do vice-prefeito Sebastião Ferreira Martins Junior (Junior da Femac), que no ato representou o prefeito de Apucarana, Beto Preto. Também estiveram presentes o vereador Mauro Bertoli, presidente do Legislativo, Maria Onide Balan Sardinha, chefe do Núcleo Regional de Educação (NRE), e Rosiney Pimenta, a diretora geral do Colégio Agrícola.  
Junior da Femac destacou o potencial do agronegócio paranaense e a importância de escolas de formação de profissionais no setor agrícola. “Apesar de ter apenas 2,5% da área do Brasil, o Paraná responde por um quarto da produção de grãos. Esse excelente resultado vem do investimento em tecnologia, de órgãos de apoio como a Emater e Seab, da capacidade dos produtores rurais e também pela existência de escolas como o Colégio Agrícola que anualmente formam centenas de profissionais”, frisa Junior da Femac.
A chefe do Núcleo Regional de Educação ressaltou o investimento do Governo do Estado, que mantém 19 colégios agrícolas no Paraná. “Quando se está discutindo muito sobre sustentabilidade, é o momento de valorizar cada vez mais o Colégio Agrícola, que diariamente aborda em aulas teóricas e práticas questões relativas ao solo, água e alimentação”, argumenta Maria Onide.
O Colégio Agrícola tem 59 anos de existência e, após a sua fundação, foram realizadas exposições periodicamente. Entretanto, com o nome de Expoagri o evento é realizado anualmente desde 1983. “São apresentados trabalhos práticos vivenciados pelos alunos nas diversas disciplinas, sendo uma oportunidade de interação com a comunidade”, explica a nova diretora da instituição, Rosiney Pimenta.
A exposição acontece nas dependências do colégio, onde no dia a dia os estudantes têm à disposição uma estrutura de fazenda-escola, com 92 hectares de lavoura e 8 mil metros quadrados de área construída. Os projetos elaborados são nas áreas pecuária e agrícola, como por exemplo: suinocultura, bovinocultura, cunicultura, avicultura, horticultura, fruticultura, culturas de soja, trigo, milho, feijão, entre outros. A exposição funciona das 8 às 18 horas nesta quinta e sexta-feira, e das 8 às 16 horas no sábado.
CASA RURAL – O Colégio Agrícola Estadual Manoel Ribas ganhou um museu que retrata a realidade da vida rural e a história da instituição, através de diversos objetos e fotografias. O espaço, inaugurado nesta quinta-feira,  foi denominado de Casa Rural Clóvis Koval. “É uma homenagem a um grande ser humano que muito contribuiu com esta instituição, onde trabalhou por mais de 20 anos. Além de servidor público, era apicultor e estava sempre presente nas feiras de Apucarana e região. Infelizmente, o Clóvis nos deixou no final de 2013, com apenas 47 anos”, afirma Anderson Bellini, diretor pedagógico do Colégio Agrícola

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber