Apucarana

Criança que estava em ambulância de Apucarana envolvida em acidente morre no hospital

Da Redação ·
Criança que estava em ambulância de Apucarana envolvida em acidente morre no hospital - Foto: Reprodução/Whatsapp
Criança que estava em ambulância de Apucarana envolvida em acidente morre no hospital - Foto: Reprodução/Whatsapp

Fontes do Hospital Doutor Feitosa, em Telêmaco Borba, confirmaram há pouco que a criança de um ano e seis meses que estava na ambulância de Apucarana envolvida em acidente ontem (19), na BR-376 (rodovia do Café), em Imbaú, quando retornava de Curitiba, morreu por volta as 4h45 da madrugada desta quinta-feira (19). A família da criança reside no Sumatra (zona leste) e o corpo vai ser trasladado para velório e sepultamento em Apucarana.

continua após publicidade

O acidente ocorreu por volta das 17 horas e envolveu uma ambulância da Prefeitura de Apucarana e um caminhão carregado com bobinas. Quatro pessoas ficaram feridas: a motorista da ambulância, o pai e a mãe da criança que faleceu no hospital. Não havia uma mulher com acompanhante, como foi divulgado anterirormente.

Os feridos foram atendidos por equipes de socorro da Concessionária Rodonorte, responsável pela administração da rodovia. 

continua após publicidade

De acordo com o vice-presidente da Autarquia Municipal de Saúde (AMS), Emidio Bachiega, a ambulância voltava de Curitiba quando aconteceu o acidente. No veículo estavam, além da motorista, a criança de três anos de idade, a mãe e o pai dela. A criança tinha problemas de saúde, principalmente respiratórios, e fez uma consulta na capital do Estado. 

O menino foi encaminhado para um hospital em Telêmaco Borba, onde faleceu. O pai permanece internado no Hospital Doutor Feitosa, em Telêmaco Borba, mas pode receber alta hoje. A mãe foi levada para um hospital de Ponta Grossa e seu quadro de saúde é estável, com suspeita de fratura na clavícula e braço. A motorista e a acompanhante, que sofreram ferimentos leves, foram encaminhadas para a UPA de Telêmaco Borba. 

A Autarquia Municipal de Saúde disponibilizou dois veículos para levar familiares das vítimas do acidente para Telêmaco Borba e Ponta Grossa na noite de quarta-feira. "O prefeito Beto Preto está acompanhando o caso e determinou atenção especial para as vítimas e familiares", reiterou Bachiega. 

continua após publicidade

Motorista já voltou para Apucarana
Segundo ele, a motorista da ambulância, que sofreu lesões leves, já retornou para Apucarana. "O prefeito Beto Preto determinou que seja dado toda a assistências às vítimas e estamos tentando a transferência do pai e mãe da criança para um hospital de Apucarana", detalhou  o vice-presidente da AMS.

IML de Ponta Grossa
Ele confirmou que a criança morreu por volta das 5 horas. " O corpo vai ser levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Ponta Grossa para exame de necropsia e depois providenciaremos o traslado para Apucarana", completou Bachiega.

Nota da AMS
A Autarquia Municipal de Saúde de Apucarana divulgou uma nota oficial sobre o acidente. Leia a íntegra

continua após publicidade

"A Autarquia Municipal de Saúde, através do seu diretor presidente Roberto Kaneta, emite nota oficial a respeito do acidente ocorrido ontem à tarde, no km 391 da BR-376, em Imbaú, nos Campos Gerais, envolvendo uma ambulância da saúde pública do município. 

O veículo era ocupado por quatro pessoas. A motorista da ambulância, uma criança que era transportada de volta a Apucarana após um atendimento médico especializado no Hospital Pequeno Príncipe, de Curitiba, e seus pais.

continua após publicidade

A direção da AMS comunica com pesar que a criança, P.R.S.S, de um ano e seis meses, veio a óbito às 4h45 de hoje, no Hospital Doutor Feitosa, em Telêmaco Borba, para onde foi levada pelos socorristas da Concessionária RodoNorte. A AMS está aguardando a liberação do corpo para ser transladado para Apucarana no veículo da Autarquia Municipal de Serviços Funerários (Aserfa). 

A mãe da criança, Cláudia Franciele de Medeiros, está internada no Hospital Bom Jesus de Ponta Grossa, consciente e seu estado é estável. O pai da criança, Vanderlei Silva dos Santos, também está internado no Hospital Bom Jesus de Ponta Grossa, em estado estável. A direção da AMS está tentando sua transferência para o Hospital da Providência de Apucarana.

A motorista da ambulância, a servidora Rosilda de Fátima Ferreira, está bem e já está em Apucarana. Segundo Rosilda, o acidente teria sido provocado pela queda da carga (placas de celulose) do caminhão sobre a ambulância, após o motorista perder o controle do veículo. A Polícia Rodoviária está apurando maiores detalhes sobre a circunstância do acidente. 

O acidente entre a ambulância e o caminhão ocorreu por volta de 17 horas de ontem. A Autarquia Municipal de Saúde disponibilizou dois veículos para levar familiares das vítimas do acidente para Telêmaco Borba e Ponta Grossa na noite de ontem. O prefeito Beto Preto está acompanhando o caso e determinou atenção especial para as vítimas e familiares".