Apucarana

Conselho Regional homenageia médicos de Apucarana e Arapongas

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Conselho Regional homenageia médicos de Apucarana e Arapongas
Conselho Regional homenageia médicos de Apucarana e Arapongas

O Dia do Médico será comemorado nesta quarta-feira (18), mas a tradicional solenidade do Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR) ocorre na manhã de sábado (21), em sua sede em Curitiba. Serão homenageados 67 médicos com o Diploma de Mérito Ético-Profissional que completaram 50 anos de formados com histórico exemplar. Dois são de Apucarana e um de Arapongas. 

continua após publicidade

Instituído em 1986, em iniciativa inaugural entre os Conselhos de Medicina do Brasil, o Diploma de Mérito Ético-Profissional exige que sejam merecedores médicos com 50 anos de formado e histórico ímpar, sem nenhuma sanção disciplinar na carreira. Neste ano, dos 67 homenageados, sete são mulheres. Também há duas distinções in memoriam.

Entre os homenageados está o médico de Apucarana José Ramon Sanches Júnior. Formado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), ele atua nas especialidades de Ginecologia e Obstetrícia. Já o outro médico apucaranense, Lauro Francisco Felix, será homenageado in memoriam. Formado na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), ele também era da área de ginecologia e obstetrícia. Lauro Felix morreu no último mês de julho aos 77 anos. 

continua após publicidade

O araponguense Waldomiro Alves Nunes também receberá o Diploma de Mérito Ético-Profissional.  Formado na UFPR, ele é da especialidade de otorrinolaringologia. 

O presidente do CRM-PR, Wilmar Mendonça Guimarães, assinala que a condecoração desses grandes expoentes da Medicina tem importante efeito como exemplo na conduta ética dos jovens médicos, em especial num momento de expansão desenfreada de cursos e discutível qualidade formadora. Somente o Paraná deve começar 2018 com pelo menos 18 escolas médicas e mais de 1,6 mil  alunos ingressantes. 

MEDALHA DE LUCAS

continua após publicidade

O órgão de classe ainda vai conferir na solenidade do próximo sábado a Medalha de Lucas – Tributo ao Mérito Médico a dois outros renomados profissionais com destacada atuação ética, social e humanitária no Paraná: os professores Luiz Carlos Sobania, de Curitiba, e João Henrique Steffen Júnior, de Londrina. 

A Medalha de Lucas, honraria instituída em 1996, até hoje tinha sido conferida a somente outras 12 personalidades da Medicina paranaense, dentre elas o Dr. Júlio Raphael Gomel, fundador do Lar Bom Caminho, a Dra. Zilda Arns Neumann, da Pastoral da Criança, o Dr. Hélio Brandão, do Clube da Soda, e o Prof. João Manuel Cardoso Martins, editor da revista cultural médica “Iátrico”, todos de saudosa memória. Marcada por rigoroso processo seletivo, a comenda tinha sido entregue pela última vez em 2013.