Apucarana

Acusado de homicídio é julgado hoje em Apucarana

Da Redação ·
Acusado de homicídio é julgado hoje em Apucarana - Foto: TNONLINE
Acusado de homicídio é julgado hoje em Apucarana - Foto: TNONLINE

Mais um júri popular é realizado nesta terça-feira (17) no plenário do Fórum Desembargador Clotário Portugal, na Comarca de Apucarana. De acordo com denúncia oferecida pelo Ministério Público (MP), Antônio César Mota de Araújo, conhecido como "Ceará", é acusado de matar com vários tiros Adriano Bento da Silva, o “Paçoca”. 

continua após publicidade

O crime ocorreu no dia 23 de setembro de 2012, durante a Expoita em Novo Itacolomi. Autor e vítima são da cidade de Jandaia do Sul e ambos estavam na festa realizada no Parque de Exposições de Novo Itacolomi, à margem da PR-170.

Uma testemunha relatou ter visto Araújo sacar uma arma de fogo e disparar pelo menos cinco vezes contra Silva, que chegou a ser socorrido, mas não resistiu às lesões e morreu a caminho do hospital.  Exame de necropsia realizado no Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana constatou que a vítima foi atingida por três projéteis de arma de fogo.

continua após publicidade
Acusado de homicídio é julgado hoje em Apucarana fonte: Reprodução

Conforme a denúncia do MP, o autor do homicídio fugiu do local em um veículo GM Vectra, danificando inclusive uma porteira e uma roda do carro ao sair as pressas do recinto onde a festa era realizada.  O veículo foi abandonado em uma estrada rural entre Novo Itacolomi e Apucarana, com um pneu furado. 

Dois dias após o crime, Araújo se apresentou à polícia acompanhado de advogado e alegou que agiu em legítima defesa, versão essa contestada com veemência por familiares da vítima.