Mais lidas
Apucarana

Saúde inicia Campanha de Multivacinação em  Apucarana

.

Ação visa atualizar a situação vacinal de crianças e adolescentes menores de 15 anos (14 anos, 11 meses e 29 dias)
Ação visa atualizar a situação vacinal de crianças e adolescentes menores de 15 anos (14 anos, 11 meses e 29 dias)

Inicia hoje segunda-feira (11), a “Campanha Nacional de Multivacinação” promovida pelo Ministério da Saúde visando à atualização da caderneta de vacinação da criança e do adolescente. O diretor da Autarquia Municipal de Saúde de Apucarana, Roberto Kaneta, destaca a importância da mobilização para que pais e responsáveis redobrem a atenção sobre os cuidados com a saúde dos filhos, como é o caso da imunização.

“Estamos com os estoques de vacina para atender toda população e a partir de segunda-feira as nossas Unidades Básicas de Saúde passam a contar com atendimento especial voltada a Campanha Nacional de Multivacinação”, afirma o coordenador do setor de epidemiologia, Luciano Pereira da Silva.

A Campanha Nacional de Multivacinação acontece no período de 11 a 22 de setembro. “Teremos o Dia D no dia 16 de setembro, um sábado, quando as Unidades de Saúde com sala de vacinação ficarão abertas para atender a população”, informa Luciano Silva.

A multivacinação é uma estratégia que o Ministério da Saúde vem adotando desde 2012 com a finalidade de atualizar a situação vacinal de crianças e adolescentes menores de 15 anos (14 anos, 11 meses e 29 dias). Com a melhoria das coberturas vacinais é possível manter controladas, eliminadas e  erradicadas as doenças imunopreveníveis no país.
O diretor presidente da AMS, Roberto Kaneta, detalha que o calendário nacional de vacinação dispõe de 14 vacinas para as crianças e 5 para os adolescentes. “Orientamos a população a procurar unidades de saúde a partir de segunda-feira levando a caderneta de vacinação. Desta forma os profissionais de saúde podem avaliar se há alguma vacina que ainda não foi aplicada ou se há doses que necessitam ser administradas para completar o esquema vacinal”, explica Kaneta.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber