Mais lidas
Apucarana

Quadrilha de Apucarana é presa pela PM após furto de agrotóxicos avaliados em R$ 300 mil

.

Seis pessoas foram detidas  no início da manhã de quinta-feira (23) sob suspeita de participar de um furto de defensivos agrícola em Campo Mourão. A quadrilha, que estava em posse de uma carga avaliada em cerca de R$ 300 mil, foi interceptada em Jandaia do Sul e três veículos foram apreendidos. Os suspeitos, que são de Apucarana, foram ouvidos durante à tarde pelo delegado Adilson José da Silva. 


Carga de agrotóxico foi furtada em Campo Mourão | Foto: Divulgação PM

Cleberson Macedo Rodrigues, 31 anos, que já tinha mandado de prisão em aberto, Ermelindo Emerenciano de Almeida, 31, e Paulo Rogério Serdiuk de Araújo, 20, foram reconhecidos como autores do furto na empresa de defensivos agrícola, de Campo Mourão, e permaneceram presos. O furto à empresa ocorreu por volta das 2 horas da madrugada. 

Em seguida, a Polícia Militar (PM) recebeu uma denúncia anônima informando que os veículos usados pela quadrilha passariam pela BR-369, em Jandaia do Sul. Várias equipes policiais deslocaram até o trevo do Distrito de São José. Ao avistarem o bloqueio, um dos carros suspeitos desobedeceu à ordem de parada e empreendeu fuga.Segundo a PM, um Astra entrou em uma plantação de cana-de-açúcar e acabou se chocando com uma curva de nível. 

Tiro contra a polícia
O condutor teria descido atirando contra a equipe, mas conseguiu fugir.  Os três suspeitos presos estavam em Fiat Strada, e uma van, que transportavam o produto furtado que foram cercados pela polícia na sequência.Por volta das 8 horas, equipes visualizaram um táxi com duas mulheres e um passageiro homem. O táxi foi abordado e os integrantes conduzidos à delegacia. A suspeita é que o trio iria dar cobertura aos demais envolvidos. Os ocupantes do táxi foram ouvidos e liberados na tarde de ontem. 




×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber