Facebook Img Logo
Mais lidas
Apucarana

Hospital da Providência inicia novas turmas no programa de residência médica

.

Medidas, como higienizar corretamente as mãos, fizeram com que o Hospital da Providência conquistasse resultados positivos. Foto: Arquivo TNOnline
Medidas, como higienizar corretamente as mãos, fizeram com que o Hospital da Providência conquistasse resultados positivos. Foto: Arquivo TNOnline

Novas turmas irão iniciar as atividades do programa de residência médica nesta quarta-feira (1º), no Hospital da Providência e Materno Infantil de Apucarana. As unidades estão organizando uma aula inaugural para médicos residentes nas especialidades de cirurgia geral, clínica médica e pediatria. No total serão 13 médicos residentes integrando o corpo clínico do Hospital da Providência e Hospital Materno Infantil.

FORMATURA
O Hospital da Providência realizou a formatura das turmas de residência médica em Apucarana.. No total, seis médicos receberam o título de especialistas – três em pediatria e três em clínica médica.

A solenidade de formatura foi realizada logo depois de uma missa celebrada por Monsenhor Roberto Carrara, na Capela da Esperança. Estiveram presentes a diretora geral do Hospital da Providência e Hospital Materno Infantil, Irmã Geovana Aparecida Ramos, o diretor executivo das Instituições, Guilherme da Silva Borges, o diretor clínico e médico Sérgio Seidi Ushida, o diretor Técnico-Médico Eudilson Mendonça, preceptores da residência médica, chefes de clínicas e demais membros do corpo clínico, além de colaboradores dos Hospitais e familiares dos novos especialistas.         

Para o coordenador do programa em pediatria, médico Luiz Carlos Busnardo, a criação da residência pediátrica no Hospital da Providência Materno Infantil é o exemplo do renascimento de um ideal diante de uma dificuldade. 

“O Brasil tem passado por período difícil no que se refere à disponibilidade de pediatras assistencialistas. Não é raro nos depararmos com notícias de falta de pediatras. A imprensa tem sido muito clara e esse fato não tem sido muito diferente no [Hospital] Materno Infantil. 

O Programa de Residência Médica melhorou muito a assistência pediátrica no hospital, mesmo sabendo que [ainda estamos] muito longe do ideal, temos que caminhar e melhorar”, afirma. “Em 2016 tivemos recorde de baixa mortalidade infantil na região. A gravidez na adolescência tem diminuído”, completa ressaltando as mudanças.            

De acordo com o coordenador da residência em Clínica Médica, Leonardo Marchi o intuito é formar mais profissionais especializados e ampliar o serviço médico. “A residência médica foi inovadora para o Hospital e para a cidade. Veio para incrementar o serviço. Os formandos estão passando em outras residências fora daqui, fazendo subespecialidades e é um motivo de orgulho. E alguns estão ficando aqui na região, como Patrícia Calejas e o Evandro Rosa que já trabalhava conosco e também um novo pediatra, o Ataíde Valente”.              

Para o médico Silvio Lima, que concluiu a residência em clínica médica, o momento foi de gratidão. "Agradecemos a todos, mas em especial, aos pacientes pois foram eles que possibilitaram que chegássemos a esse momento. Muito obrigada a eles por terem nos dado essa oportunidade de nos tornarmos especialistas", destacou. 

O Programa de Residência Médica é desenvolvido através da Comissão de Residência Médica (COREME), coordenada pela médica Jaqueline Pini. A primeira turma foi aberta em 2014 com apoio do Hospital Nossa Senhora das Graças, de Curitiba, Prefeitura Municipal de Apucarana e Autarquia Municipal de Saúde.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber