Mais lidas
Apucarana

Operação bate grade apreende celulares e barras de ferro no Minipresídio 

.

Autoridades estão preocupadas com a atual crise penitenciária do Brasil. (Foto - Tribuna do Norte)
Autoridades estão preocupadas com a atual crise penitenciária do Brasil. (Foto - Tribuna do Norte)

O Minipresídio de Apucarana passou na terça-feira (24) por uma vistoria. Batizada popularmente de “operação bate grade”, a inspeção feita por agentes carcerários, do Departamento Penitenciário (Depen), com o apoio de policiais civis e militares, localizou no interior das celas oito celulares e várias barras de ferros. 

Até o final da tarde, autoridades não confirmaram a quantidade exata de objetos ilícitos apreendidos no interior da unidade. Apesar de ser classificada como de rotina pelo Depen, agentes das instituições de segurança reconhecem que a revista tem por objetivo identificar qualquer possibilidade de fuga ou rebelião.

A preocupação das autoridades está estritamente ligada com o caos instalado nas penitenciárias de vários estados brasileiros por organizações criminosas, que tem ordenado ataques a presos ditos de facções contrárias. Na última terça-feira, uma fuga em massa de 152 presos foi registrada em Bauru, no interior paulista.

“Foi uma revista de praxe. Os presos estavam tranquilos, mas precisamos de apoio para entrar no Minipresídio, que tem atualmente 284 presos. No interior da unidade, verificamos as celas na tentativa de encontrar objetos proibidos e também de indícios de fugas”, revela o chefe regional de Administração de Cadeias Públicas, de Londrina, Adilson Barbosa de Souza.

(Leia a matéria completa nas edições digitais e impressa da Tribuna do Norte)

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber