Apucarana

Entupimento gerou alagamento na região do Biguaçu

Da Redação ·
Operário observa obra no Parque Biguaçu
Operário observa obra no Parque Biguaçu

Urbanizados em 1978, os lotes por onde passa a tubulação danificada estão em antiga região de fundo de vale

continua após publicidade

Com o auxílio de uma pá-carregadeira, a Secretaria de Obras da Prefeitura de Apucarana identificou nesta quinta-feira (19/01) as causas da enxurrada que gerou transtorno a moradores e à própria administração municipal nestes últimos dias na região do Parque Biguaçu.

Foi preciso cavar cerca de quatro metros e, com autorização de técnicos de meio ambiente, abater um ipê, para que o problema fosse encontrado. Segundo o secretário Herivelto Moreno, o entupimento do poço de visitas instalado junto à Rua Marialva foi o responsável pelo transbordamento da água da chuva que, além de moradias, atingiu o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Irmã Dulce.

continua após publicidade

“Entre as ruas Bandeirantes e Marialva, existe uma tubulação enterrada e em vários destes lotes foram edificadas construções sem o devido respeito a uma faixa de servidão.

Ainda não sabemos ao certo por quais motivos mas, um pouco mais acima, a tubulação foi danificada. Com isto, toda a água, terra e pedaços da tubulação de concreto desceram pelo canal, entupindo aqui embaixo este poço de visita. 

E, como a água da chuva não teve mais por onde escorrer, transbordou invadindo residências e o CMEI”, explicou o secretário de Obras, que é engenheiro civil. Ainda de acordo com ele, um levantamento será feito pelo município para identificar a faixa de servidão a ser respeitada em relação à tubulação. 

continua após publicidade

“A partir daí um decreto será editado para que seja averbada nas matrículas de cada um destes lotes”, informou Moreno. Urbanizados em 1978, os lotes por onde passa a tubulação danificada estão em antiga região de fundo de vale, junto ao Córrego Biguaçu. 

Entupimento gerou alagamento na região do Biguaçu fonte: Reprodução

O prefeito Beto Preto esteve acompanhando o trabalho de identificação das causas do problema. “Determinei agilidade e que sejam tomadas todas as medidas e ações técnicas de segurança necessárias para resolução e prevenção de futuros problemas”, disse Beto. 

Entupimento gerou alagamento na região do Biguaçu fonte: Reprodução
continua após publicidade

Os moradores prejudicados estão recebendo toda assistência da prefeitura por intermédio da ação social e da procuradoria jurídica. Pelo menos uma residência já foi interditada pela Defesa Civil de Apucarana. “Já solicitamos ao proprietário da casa interditada um laudo técnico feito pelo engenheiro responsável pela edificação. Ele afirma que escavações serão feitas para identificar e tentar resolver o problema”, finalizou Herivelto Moreno, secretário Municipal de Obras.

Fotos- Divulgação (Profeta)