Apucarana

Morto em atropelamento é identificado no IML de Apucarana

.

Após reconhecimento pelo WhatsApp, famialires de idoso atropelado estiveram no IML de Apucarana -  Foto: Arquivo/imagem ilustrativa
Após reconhecimento pelo WhatsApp, famialires de idoso atropelado estiveram no IML de Apucarana - Foto: Arquivo/imagem ilustrativa

O Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana confirmou no final da tarde desta quinta-feira (13) que familiares fizeram a identificação do corpo de Aparecido Teixeira, de 60 anos. Ele morreu após ser atropelado na noite de quarta-feira (12) no km 196 da BR-369 (Rodovia Mello Peixoto), próximo a Facnopar. Inicialmente o idoso, que residia em Cruzmaltina, foi reconhecido por um sobrinho através de imagens do tio atropelado divulgadas no WhatsApp

Familiares de Teixeira relataram que no dia 3 de setembro ele havia desaparecido de casa, mas foi localizado e após alguns dias desapareceu novamente. 

Autorização de juiz
Servidores do IML acrescentaram que mesmo com os familiares do idoso fazendo o reconhecimento, foi necessário pedir autorização a um juiz de Apucarana para liberação do corpo porque Teixeira não portava documentos.  

As mesmas fontes disseram que um parente da vítima fatal foi providenciar cópia da certidão de nascimento para agilizar a liberação.