Apucarana

Cliente de supermercado devolve carteira perdida por aposentada com R$ 1,3 mil 

Da Redação ·
​A aposentada Divina Maria de Jesus Lemes. Foto: Delair Garcia
​A aposentada Divina Maria de Jesus Lemes. Foto: Delair Garcia

A aposentada Divina Maria de Jesus Lemes, de 77 anos, teve a prova que, ao contrário do que muitos pensam, ainda existem pessoas honestas. A apucaranense perdeu a carteira com R$ 1.350, valor da aposentadoria que havia acabado de sacar, em um supermercado. O que ela não esperava era que um cliente, que nem chegou a deixar nome nem o telefone para agradecimento, encontrasse a carteira e devolvesse sem sequer abrir para ver o que tinha dentro. 

continua após publicidade

A devolução dos pertences de dona Divina, que deixou inclusive o cartão do benefício e a senha juntos, foi feita pelo supermercado. De acordo com a gerente do estabelecimento comercial, Ilza Alves, a carteira foi entregue no início da tarde do último sábado por um cliente ao balcão fiscal. O objeto foi encontrado no chão ao lado do caixa que ele passou. “Quando abrimos a carteira, nós encontramos o dinheiro, mas não tinha nenhuma identificação. Decidimos guardar a carteira e não falar nada para ninguém, para não chamar a atenção”, explica.

No domingo, Ilza, junto com duas fiscais de caixa, decidiram iniciar um trabalho interno de investigação para localizar a dona do dinheiro. “Verificamos pelas imagens, o momento que o cliente entregou a carteira no balcão fiscal. Com isso, conseguimos identificar o caixa e também a senhorinha, que derrubou a certeira”, relata. 

continua após publicidade

As imagens mostram o momento que o cliente pega a carteira e, sem abrir, entrega para a funcionário do supermercado.Na carteira estava apenas o dinheiro junto com o cartão da aposentadoria e a senha. “Acompanhamos as imagens e conseguimos identificar o veículo que ela estava. Com os dados do veículo, identificamos o endereço do condutor, que é genro dela. Nisso, a neta dela nos ligou e perguntou se tínhamos encontrado”, conta.

A DEVOLUÇÃO
A devolução aconteceu no dia seguinte e foi marcada por muita emoção, de ambas as partes. “É gratificante. Só tinha visto este tipo de situação na tevê”, pontua a gerente. Já para dona Divina, o gesto foi uma providência divina. “Entreguei na mão de Jesus e confiei. Fiquei muito agradecida”, confessa. Porém, ela garante que nunca mais irá sacar o valor total e sair pela cidade”, sublinha.