Apucarana

Após resistência, PM prende "cowboy" com crack em edifício no centro de Apucarana

Da Redação ·
Imagem ilustrativa - Foto - Reprodução
Imagem ilustrativa - Foto - Reprodução

Mais uma situação envolvendo droga exigiu mobilização de equipe da Polícia Militar (PM) na noite de terça-feira (09) em Apucarana (Norte do Paraná). Inicialmente a polícia abordou dois jovens no cruzamento da Rua Doutor Oswaldo Cruz com a Avenida Curitiba, próximo a um edifício no qual já aconteceram algumas apreensões de drogas e que é alvo frequente de denúncias relacionadas ao tráfico de drogas e presença de dependentes químicos. Segundo a PM, a dupla suspeita exalava forte cheiro de crack

continua após publicidade

Os dois rapazes revelaram à polícia que tinham comprado tóxico de uma pessoa conhecida como "cowboy", que reside em um aparatamento do edifício. Na sequência os PMs foram até o apartamento do suspeito e próximo à porta estava um terceiro uusário de entorpecentes, que também disse ter ido ao local para comprar crack de "cowboy". Na sequência os policiais militares bateram na porta e foram atendidos por uma moça, que franqueou a entrada da equipe na dependência residencial. 

RESISTÊNCIA
Quando os PMs entravam no apartamento, o rapaz identificado como “cowboy”, que estava dormindo no sofá, acordou e demonstrou estar significativamente alterado. Ele desobedeceu as ordens para que colocasse as mãos na cabeça e questionou a entrada da PM em sua residência, dizendo que os policiais não possuíam mandado para revistar o apartamento. 

continua após publicidade

Os policiais tiveram que usar de força física para contê-lo e algemá-lo.  Com o apoio da equipe do canil, foram realizadas buscas na moradia e na cabeceira da cama do quarto os policiais acharam invólucro plástico com seis pedras de crack. "Cowboy" e a droga foram levados à 17ª Subdivisão Policial (SDP) para os procedimentos legais.