Apucarana

Casa Divina Providência se mobiliza em busca de apoio

Da Redação ·
Nova diretoria da Casa de Apoio Divina Providência foi recebida pelo prefeito Beto Preto. Foto: Assessoria
Nova diretoria da Casa de Apoio Divina Providência foi recebida pelo prefeito Beto Preto. Foto: Assessoria

A nova diretoria da Casa de Apoio Divina Providência foi recebida pelo prefeito Beto Preto em seu gabinete. O grupo de voluntários que está à frente da instituição filantrópica esteve em busca de apoio financeiro e logístico da administração municipal e discutiram com o chefe do executivo alternativas para o respaldo que necessitam visando manter o atendimento médio diário a cerca de 50 pessoas. “Vamos fazer tudo que estiver ao nosso alcance para contribuir com esse trabalho que merece todo nosso reconhecimento”, afirmou Beto Preto.

continua após publicidade

O público atendido na Casa de Apoio Divina Providência é formado por pacientes e seus familiares, especialmente de cidades do Vale de Ivaí, que vêm em Apucarana para atendimento médico. No local são oferecidas duas refeições, o café da manhã e almoço, além de acomodações para descanso. Se mantendo através de doações, na qual inclui a arrecadação por carnês de empresários e da comunidade, a instituição presta o atendimento graças ao trabalho de 23 voluntários.

O grupo é formado por ex-funcionários públicos, profissionais liberais, empresários, professores, entre outras atividades, que se revezam na manutenção da Casa de Apoio. São apenas dois funcionários contratados: um cozinheiro e uma secretária. A nova direção da Casa de Apoio está empenhada em levar adiante a luta que vem travando durante os sete anos de sua existência. “Pedimos que aos prefeitos apoiem seus cidadãos que buscam atendimento médico em Apucarana, contribuindo financeiramente para manutenção dos serviços oferecidos na Casa”, diz a diretora da instituição Ana Maria Cassapula. 

continua após publicidade

O presidente da Casa de Apoio Divina Providência, Juarez Serapião da Silva, apresenta alguns números do relatório anual de 2015. No ano passado o município com maior número de pessoas atendidas foi Faxinal (1986), seguido de Borrazópolis (797); Grandes Rios (757); e Mauá da Serra (667). “Isso só para citar as cidades com mais de 500 atendimentos”, observa Silva. O número total de atendimentos em 2015 foi de 6722, entre café da manhã e almoço. Outros dois membros da diretoria da Casa de Apoio Divina Providência estavam presentes na visita ao prefeito: Pedro Fisco e Marco Deritti. A Casa de Apoio está localizada na Rua Rio Branco, 677. Telefone: 3047-0021.