Apucarana

Homem é absolvido da acusação de homicídio na zona norte de Apucarana

Da Redação ·
Júri popular nesta quinta-feira (5) em Apucarana: réu foi absolvido - Foto: José Luiz Mendes
Júri popular nesta quinta-feira (5) em Apucarana: réu foi absolvido - Foto: José Luiz Mendes

Mais um júri popular foi realizado nesta quinta-feira (5) no plenário do Fórum Desembargador Clotário Portugal, na Comarca de Apucarana (norte do Paraná). Rogério Pereira Lima, de 32 anos, foi absolvido da acusação de homicídio.

De acordo com denúncia oferecida pelo Ministério Público (MP), Rogério era acusado de envolvimento no assassinato de Cléber Ribeiro da Silva, com 19 anos na época do crime, ocorrido no final da noite de 20 de novembro de 2002, na Avenida América, próximo à Estação Rodoviária de Apucarana, na zona norte  da cidade. Cléber foi morto a tiros, após uma briga generalizada entre vários homens. 


Em júri anterior, outros dois acusados de envolvimento no crime também foram absolvidos e um quarto acabou condenado a nove anos de prisão. A sessão do Tribunal do Júri em Apucarana foi presidida pelo juiz Osvaldo Soares Neto. Na defesa do réu trabalharam os advogados Jean Carlos e Mateus Gabriel Rodrigues e na acusação esteve o promotor de Justiça Tiago Kava.

continua após publicidade