Apucarana

Índios retornam para reservas

Da Redação ·
No local onde os índios estavam, em Apucarana, há muito lixo e restos das barracas - Foto: José Luiz Mendes
No local onde os índios estavam, em Apucarana, há muito lixo e restos das barracas - Foto: José Luiz Mendes

Os cerca de 60 índios, entre os quais um número significativo de crianças que vieram para Apucarana, no Vale do Ivaí (norte do Paraná), das reservas Ivaí, em Manoel Ribas, e Queimados, em Ortigueira, e Apucaraninha, em Tamarana, retornaram nesta semana para os locais de origem.  

O índio Nivaldo Lourenço, um dos líderes do grupo, explica que eles vêm para Apucarana, que é cidade polo da região do Vale do Ivaí, para vender balaios e cestas feitos de o bambu-taquara, a principal matéria-prima utilizada para a confecção dos produtos artesanais (cada cesto médio é vendido por cerca de R$ 30).

continua após publicidade

Barracas foram abandonadas pelos índios - Foto: José Luiz Mendes


Quando estão na cidade, eles vivem em situação de precariedade, alojados em barracas nas dependências do guichê de bilheteria do Estádio Olímpio Barreto (antigo Bom Jesus da Lapa), na zona sul da cidade, e no Parque do Japira, no Jardim América, na zona norte da cidade.  Nesta sexta-feira (12), no local onde os índios estavam no "Japira" há muito lixo e restos das barracas.

continua após publicidade

Quando estão em Apucarana, índios vivem em situação de precariedade - Foto: José Luiz Mendes