Facebook Img Logo
Mais lidas
Apucarana

​Reunião na ACIA discute segurança pública em Apucarana

.

​Reunião na ACIA discute segurança pública em Apucarana - Foto - Divulgação
​Reunião na ACIA discute segurança pública em Apucarana - Foto - Divulgação

Ao lado de representantes do judiciário, das polícias militar e civil, clubes de serviços, e da sociedade civil organizada, o prefeito Beto Preto participou ontem (20) de uma reunião promovida pela Associação da Indústria, Comércio e Serviço (ACIA) para discutir a segurança pública no município. Em torno do interesse comum de reduzir o índice de criminalidade, foram sugeridas e acatadas ações preventivas por parte de comerciantes e industriais, bem a manifestação de apoio ao Conselho Comunitário de Segurança (Conseg).

O objetivo é fortalecer o órgão na condução das discussões e ações que busquem dias menos violentos para sociedade apucaranense. “As policias Civil e Militar têm se empenhado no sentido de resolver e coibir os crimes. A nossa proposta é que a sociedade civil faça a parte dela para dificultar as ações dos meliantes em Apucarana.

O Conseg é o órgão, que com o apoio das representatividades aqui presentes, vai conduzir esse trabalho”, disse o presidente da ACIA, Júnior Serea. O prefeito Beto Preto anunciou que iria expor, na reunião em que prefeitos do Vale do Ivaí tinham agendada para hoje (21) na Secretaria Segurança Pública do Paraná, a necessidade de reforçar o efetivo da polícia militar na cidade.

“Vamos fazer essa solicitação apesar de reconhecermos que houve uma reposição do efetivo e viaturas do 10º BPM. Tivemos recentemente duas escolas de PM na cidade”, observou. Paralelamente a ação policial, Beto Preto lembrou que o município desenvolve ações que refletem diretamente na segurança pública.

“Além nosso quadro da Guarda Municipal, estamos instalando câmaras de monitoramento em todas as escolas municipais e creche, num total de 400 equipamentos. O Patronato Municipal é modelo para o estado e já atendeu mais de 400 egressos, com índice de reincidência de apenas 20%, além do trabalho social ativo junto a famílias vulneráveis, o qual inclui oportunidade de moradia e qualificação profissional. Estamos fazendo o melhor que podemos e a prefeitura está à disposição para contribuir neste esforço pela segurança pública”, afirmou, lembrando que o índice de criminalidade de Apucarana está abaixo da média das cidades do mesmo porte.

Participaram da reunião os juízes Oswaldo Soares Neto e José Roberto Silvério, da presidente Conselho Comunitário de Segurança, Ana Maria Schmidt, do comandante da Guarda Municipal, Edinei da Silva, o presidente da ACIA, Júnior Serea, o prefeito Beto Preto, representantes das policias civil e militar, de clubes de serviços, comerciantes e empresários.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber