Apucarana

​Polícia Civil investiga circulação de notas falsas em Apucarana

Da Redação ·

Investigadores da 17ª Subdivisão Policial (SDP), apuram a crescente circulação de notas falsas identificada nos últimos dois meses, em Apucarana. Na tarde desta quinta-feira (18/06), mais uma pessoa foi detida com dinheiro falsificado. Renato Virches, 25 anos, foi preso por volta das 17 horas, durante abordagem de policiais civis, em um bar localizado na Rua São Matheus, no Núcleo Habitacional Dom Romeu Alberti. Com ele foram apreendidas duas notas de R$ 50 inválidas.   

continua após publicidade

O delegado José Aparecido Jacovós, chefe da 17ª SDP informa que nos últimos 60 dias a delegacia apreendeu 10 cédulas de R$ 50 e R$ 100. Quatro notas apresentam o mesmo número de série, o que para a polícia, significa que foram emitidas pelo mesmo fabricante. 

“Está havendo uma chuva de notas falsas na cidade o que sugere que uma quadrilha esteja atuando aqui”, diz.

continua após publicidade

De acordo com o delegado, Virches vai responder pelo crime de moeda falsa cuja pena varia de 2 a 10 anos. “Isso depende se ele apenas recebeu a nota ou se é o fabricante”, observa.

A polícia alerta que a principal diferença observada é a textura das cédulas. A aspereza comum às notas originais não é encontrada na falsificadas. "É preciso que os comerciantes fiquem atentos e, quando identificarem uma nota falsa, que comuniquem a polícia e entregue na delegacia", orienta.