Apucarana

Linha baby ganha feira mensal na Casa da Gestante em Apucarana

Da Redação ·
Linha baby ganha feira mensal na Casa da Gestante - Foto: Divulgação
Linha baby ganha feira mensal na Casa da Gestante - Foto: Divulgação

As mulheres que integram o Programa de Economia Solidária e Protagonismo Feminino ganharam mais uma opção de comercialização dos produtos. Agora, os empreendimentos da linha baby participarão mensalmente de uma feira na Casa da Gestante. O espaço de comercialização, que será ofertado sempre na segunda semana de cada mês, começou as atividades na quarta-feira (08/04) e terá sequência na quinta-feira.

De acordo com a secretária municipal da Mulher e Assuntos da Família, Denise Canesin Machado, os empreendimentos já contam com o Espaço da Mulher e com a Feira Solidária realizada periodicamente na Praça Valmor Santos Giavarina (Praça da Onça). “Devido ao sucesso da primeira experiência que ocorreu durante a programação do Mês da Mulher, quando a Feira Baby teve boa aceitação, o evento será promovido mensalmente a partir de agora”, afirma Denise, citando ainda que em breve será implantado o circuito de feiras itinerantes, abrindo novas oportunidades de comercialização dentro da Rede de Mulheres Solidárias.

continua após publicidade

Linha baby ganha feira mensal na Casa da Gestante
Foto: Divulgação



Conforme Terezinha Elizabete Berton Pereira (Bete Berton), supervisora do Programa de Economia Solidária e Protagonismo Feminino, a Feira Baby oferece produtos como sapatinhos, mantas, lembrancinhas, decoração para quartos, protetores de berço, mosqueteiros, almofadas para amamentação, cestos para acomodação de recém nascidos, bolsas, tiaras, conjuntos de body e porta-fraldas, entre outros. “É uma oportunidade para os empreendimentos que atuam na linha baby comercializarem seus produtos e também para as gestantes que poderão adquirir o que necessitam a um preço justo”, avalia Bete Beton, lembrando que as mulheres se organizam em rede e montam os empreendimentos.

“Tudo ocorre dentro do processo coletivo de trabalho, tanto no momento da produção quanto da comercialização”, frisa. Bete Berton afirma que a Feira Baby envolve oito empreendimentos econômicos solidários: Coisas de Mamãe, Arte e Decorações, RR Artesanato e Marcenaria, Renascer, Artes em Biscuit, Benjivan, Patch Art e Mamães Bertasso. “Cada um deles recebe um nome, sendo um embrião de um futuro empreendimento e que, inclusive, pode ser formalizado. Para isso, existe uma parceria com o Sebrae  que oferece toda a orientação necessária”, explica Bete Berton.