Apucarana

Chuvas deixam nove municípios da região em situação de emergência

Da Redação ·

Nove municípios do Vale do Ivaí e região estão entre os 77 do Paraná em situação de emergência por causa das fortes chuvas que caem desde a quinta-feira passada no Estado. Barbosa Ferraz, Godoy Moreira, Grandes Rios, Jardim Alegre, Ivaiporã, Manoel Ribas, Rio Branco do Ivaí, Rosário do Ivaí e São João do Ivaí registraram problemas com as enchentes. Rios que cortam essas cidades inundaram, invadindo moradias e gerando grandes prejuízos, prinicipalmente na zona rural. 

continua após publicidade

A cidade de Rio Branco do Ivaí foi uma das mais atingidas na região. Nesta segunda feira, o prefeito Gerôncio Carneira Rosa marcou reuniões com vereadores e funcionários da Prefeitura para definir ações de socorro. Pontes rodaram e estradas rurais ficaram completamente danificadas. A enchente também inundou casas no perímetro urbano. 

continua após publicidade

(Rodovia na Região de Guarapuava ficou interditada)  - Foto: Blog do Berimbau

No Vale do Ivaí, a rodovia entre Godoy Morera e São João do Ivaí amanheceu a segunda-feira interditada com uma cratera na pista; também entre Manoel Ribas e Nova Tebas o asfalto afundou. O Rio Ivaí está subindo, colocando em alerta também Lidianópolis. O município foi outro a ter problemas com a enchente. 



 

continua após publicidade

SITUAÇÃO NO ESTADO

De acordo com o boletim da Defesa Civil divulgado às 11h30 desta segunda-feira, chega a 55.659 o número de pessoas atingidas, em 91 municípios paranaenses. Em todo o Estado, 7.530 pessoas ficaram desalojadas e 2.436 estão desabrigadas. 

Segundo o levantamento, 2.286 pessoas permanecem em abrigos. O município de Rebouças, na região Centro-Sul, é o que mais tem desalojados, com 3 mil pessoas nesta situação. A região central do Estado é a mais afetada, principalmente o município de Guarapuava. Cerca do grande número de desalojados, nove pessoas morreram. 

O coordenador da Defesa Civil, coronel Adilson Castilho Casitas, explicou que os números mudam a todo momento. “O governo está mobilizado para atender a todos os paranaenses”, afirmou ele. 

No domingo, 15 famílias foram retiradas de suas residências com a ajuda dos helicópteros do Governo do Estado e estão em segurança. 

Na área de saúde estão sendo liberados R$ 6 milhões para os municípios comprarem medicamentos, contratar e pagar hora extra aos profissionais de saúde. Os recursos para a saúde são do programa VigiaSus. O repasse destes recursos estava programado para o meio do ano, mas foi antecipado. 

Para a 4ª Regional de Saúde, que abrange nove municípios da região de Irati, foram enviados, ainda no domingo, 900 frascos de vacinas anti-rábica;1000 vacinas contra hepatite B; 2000 vacinas duplas - tétano + difteria; 30 imunobiológico antitetânica, 2000 vacinas gripe; 4320 comprimidos Oseltamivir (Tamiflu) para gripe; 500 frascos de soros e 3000 frascos hipoclorito de sódio.

Confira os municípios que estão com situação de emergência decretada:

Altamira do Paraná, Anahy, Barbosa Ferraz, Boa Esperança do Iguaçu, Bituruna, Campina do Simão, Campo Bonito, Campo Largo, Campo Mourão, Cantagalo, Capanema, Catanduvas, Cascavel, Chopinzinho, Cianorte, Corbélia, Coronel Vivida, Cruz Machado, Diamante do Sul, Dois Vizinhos, Doutor Camargo, Floresta, Foz do Jordão, General Carneiro, Godoy Moreira, Goioerê, Grandes Rios, Goioxim, Guaporema, Guaraniaçu, Guarapuava, Ibema, Imbituva, Irati, Ivaiporã, Jardim Alegre, Laranjeiras do Sul, Lindoeste, Mallet, Manoel Ribas, Mangueirinha, Marechal Cândido Rondon, Marquinho, Medianeira, Mirador, Nova Cantu, Nova Laranjeiras, Pinhalão, Pinhão, Piraí do Sul, Pitanga, Porto Barreiro, Quedas do Iguaçu, Querência do Norte, Quinta do Sol, Realeza, Rebouças, Reserva do Iguaçu, Rio Azul, Rio Bonito do Iguaçu, Rio Branco do Ivaí, Rio Negro, Realeza, Roncador, Rosário do Ivaí, Três Barras do Paraná, Santa Lúcia, São João, São João do Ivaí, São João do Triunfo, São Jorge do Oeste, São José das Palmeiras, São Mateus do Sul, Saudade do Iguaçu, Sulina, União Da Vitória e Espigão Alto do Iguaçu.