Apucarana

Policial que matou namorada segue internado

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Policial que matou namorada segue internado
fonte: Foto: Mandagari online
Policial que matou namorada segue internado

Napoleão Seki Junior, de 36 anos, que matou a namorada na última quinta-feira (24) segue internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).  A informação foi divulgada pela assessoria do Hospital Cajuru. O policial tentou se matar com um tiro no pescoço após o crime. Ele passou por uma cirurgia na última sexta-feira (25) e, se sobreviver, pode ter graves sequelas.

continua após publicidade

A jovem morta, Paola Natália Cardoso, de 23 anos, foi enterrada na última sexta-feira (25). Ela era estudante de química na Universidade Federal do Paraná (UFPR), e namorava Junior há um ano. Ela deixou um filho de um ano e três meses, fruto de outro relacionamento.

No início da tarde do dia 24, o casal estava discutindo dentro de um veículo antes do policial retirar a namorada do carro, na Rua Reinaldino S. de Quadro, no bairro Alto da XV, na capital. Napoleão derrubou Paola no chão e a algemou. Em seguida, a agrediu e atirou quatro vezes nela no meio da rua.


(Foto: Mandaguari Online)