Apucarana

Vereador Alcides Ramos Júnior não depõe em CPI

Da Redação ·

O ex-presidente da Câmara de Vereadores de Apucarana, Alcides Ramos Júnior (DEM), que chegou a ser detido sob a acusação de peculato e formação de quadrilha, deveria prestar depoimento hoje (29) à tarde à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apura supostas irregularidades durante a sua gestão. Mas ele não compareceu, alegando que a própria Justiça veda o seu contato com testemunhas arroladas no processos, no caso funcionários do Legislativo Municipal. 

Dependendo da análise feita pela CPI, Alcides poderá ter o mandato cassado. A presença dele na Câmara de Apucarana deveria acontecer por volta das 15 horas. A reportagem do TNONLINE não conseguiu localizar Alcides para falar sobre o assunto. 


Leia mais na edição de sexta-feira (29) da Tribuna do Norte - Diário do Paraná
 

continua após publicidade